Vivendo o amor de Cristo

Pague o mal com o bem.

  • 20/11/2011
  • 06:00 PM

 

 

Algumas  pessoas pela vida iram  te julgar, rotular, condenar.

É uma tentativa de reduzir o que você é.

E bem mais fácil, do que te conhecerem ou te acompanharem.

Mas não é só isso!

O julgamento e os juizos de valores que provocam o mal

podem avolumar-se e tomarem forma no coração dos invejosos.

A inveja é um desespero estério, é um grito silencioso de dor de uma alma.

Felicitar-se com o êxito e com as qualidades dos outros

é bom, nos faz bem e até nos acresce.

Mas no invejoso fere.

No invejoso humilha.

No invejoso, a alegria e a potencialidade do outro

tem que ser destruídas para que ele mesmo pare de sofrer.

Ora, todos nós temos qualidades, virtudes, valores e talentos...

Que cada um explore e desenvolva o seu, aquele que Deus o deu!

Mas de alguma forma  a comparação no invejoso tomo proporção insuportável a ele mesmo.

Por isso o ódio, a intriga, a calúnia, o desejo de vingança, o ciúme são sentimentos nascidos de comparações deturpadas, deslocadas da natural proporção entre o ser e o outro.

A moda, a mídia, a própria história glorifica padrões e modelos e os impõe.

Ninguém é igual, e ninguém é tão diferente assim dos demais.

É preciso cuidado.

 Olhares invejosos sabem que não podem invadir seu quarto,

revirar suas gavetas e roubarem uma qualidade, um potencial,

uma virtude que você tem e eles não tem.

Invejosos farão tudo para que o seu sucesso não grite o fracasso deles.

O homem mais poderosos do mundo, Jesus;

o qual sigo e sirvo nos disse algo a esse respeito um dia:

.

"Mas eu vos digo:   Amai os vossos inimigos, fazei bem ao que vos odeia, e orai pelos que vos perseguem e caluniam, para serdes filhos de vosso Pai, que está nos céus, o qual faz nascer o seu sol sobre bons e maus, e vir chuva sobre justos e injustos. Porque, se não amardes senão os que vos amam, que recompensa haveis de ter? Não fazem os publicanos também assim? (Mt.20, 43)

Amai, pois, os vossos inimigos, fazei bem, e emprestai, sem nada esperar, e tereis muito avultada recompensa, e sereis filhos do Altíssimo, que faz bem aos mesmos que lhe são ingratos e maus. Sede, pois, misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso. (Lucas. 4, 32)

Já ouvimos o mestre, agora é seguir espalhando o amor!

"Deixe seu pedido de oração em comentários,vamos orar! Deus te ama."


Comentários deixe um comentário

Gostei *--*

Muito bom esse texto ...
e é a pura verdade. '-'
Vocês estão de parabéns !!

Deus abençoe vocês.
Paz e graça a todos !!

  • 12/7/2012
  • 11:58 PM
  • por Vanuza Moraes


Página Anterior | Página 12 de 576 | Próxima Página