mundo do futebol

Avaliado pelos médicos, Valdivia é cortado da seleção chilena

08:57 AM, 19/3/2011

 

Valdívia durante entrevista do Palmeiras (Foto: Cesar Greco / Ag. Estado)Cortado, Valdívia não defenderá o Chile contra
Portugal e Colômbia (Foto: Cesar Greco / Ag. Estado)

O meia Valdivia foi cortado da seleção chilena que disputará amistosos contra Portugal e Colômbia, nos próximos dias 26 e 29 respectivamente. Os exames, realizados em Santiago, costataram lesão na coxa esquerda e o anúncio da dispensa foi feito na noite desta sexta-feira.

Segundo o jornal 'Deportes', o treinador Claudio Borghi inclusive já escolheu o substituto. Trata-se de Cristóbal Jorquera, do Colo Colo, que bateu o Santos por 3 a 2, na quarta-feira, pela Taça Libertadores da América.

Valdivia reclamou de dor durante a goleada por 4 a 0, quarta-feira, sobre o Uberaba, pela Copa do Brasil. O jogador chileno fora liberado por Felipão para se apresentar à seleção andina, mas sua participação nos amistosos já era tida como improvável.

Escudero se diz 100%, e tranquilo para defender os reservas do Grêmio

08:57 AM, 19/3/2011

 

Escudero, meia do Grêmio (Foto: Wesley Santos/Pressdigital)Escudero jogará no Passo D'Areia, domingo
(Foto: Wesley Santos/Pressdigital)

Ausente em boa parte dos jogos desde que chegou, por empréstimo do Boca Juniors no início da temporada, o meia-atacante Escudero enfim jogará pelo Grêmio.

Ele será escalado pelo técnico Renato Gaúcho no time reserva que enfrenta o Porto Alegre às 16h de domingo, no Estádio Passo D'Areia, pelo Campeonato Gaúcho.

Segundo o treinador gremista, Escudero ficou de fora das partidas mais recentes devido a uma sequência de pequenas lesões.

No empate em 1 a 1 com o León de Huánuco, quinta-feira no Peru, o argentino ficou no banco de reservas mas não entrou. Após a partida, Renato garantiu que ele será utilizado contra o Porto Alegre. Escudero se vê em boas condições físicas de jogar a partida.

- Estou 100%, sim, treinando normalmente e apto para jogar - afirmou.

O meia-atacante disse ainda que está tranquilo para aproveitar a oportunidade:

- Estou com muita expectativa, é importante esse jogo. O Renato nunca me disse nada sobre estar de fora, mas nem tem o que dizer, ele é o treinador. Tenho que estar tranquilo e preparado para jogar quando ele chamar.

Wanderley disputa artilharia com R10: ‘Para mim é mais importante’

08:56 AM, 19/3/2011

 

wanderley ronaldinho gaúcho  gol flamengo x nova iguaçu (Foto: Marcelo Theobald/Globo)Wanderley disputa com o ídolo Ronaldinho artilharia
do Fla na temporada (Foto: Marcelo Theobald/Globo)

Wanderley olha para o lado e vê Ronaldinho Gaúcho. Pede bola, troca de posição com o camisa 10 em campo, comemora gols com o ídolo. Com cinco, é o artilheiro do Flamengo na temporada ao lado do craque. Uma honra para um fã do capitão.

- Quando eu era menor, jogava de meia, então sempre admirei o Ronaldinho. Inclusive meu pai (que também se chama Wanderley) chegou a ser meu treinador em um time amador de Campinas. Me dava a 10 e a faixa de capitão, como ele (Ronaldinho) está jogando hoje. Meu pai dava moral.

Wanderley contou a história a Ronaldinho, expressou toda a admiração logo que o astro chegou ao clube e sente-se realizado.

- Falei para ele que o admirava muito, que é um prazer jogar com ele. Ele sabe dessa história com o meu pai. È uma realização. Parecia um sonho tão distante, de repente ficou tão próximo. É cara muito bacana, demonstra muita humildade, isso facilita no convívio.

O atacante foi titular do Fla pela primeira vez no jogo contra o Fortaleza, pela segunda fase da Copa do Brasil. Na vitória por 3 a 0, ele fez o segundo gol e se igualou a R10 na artilharia da equipe na temporada. A próxima meta é ultrapassar o Gaúcho.

- É uma disputa sadia, até porque ele sempre foi meia, agora que está mais adiantado. Para mim é mais importante (ser artilheiro). Até ele mesmo gosta de deixar os atacantes na cara do gol. Vou procurar trabalhar, buscar os objetivos coletivos, para depois pensar nos individuais.

Neste domingo, o Flamengo volta a jogar pela Taça Rio. O adversário é o Cabofriense. A partida será em Macaé, às 16h (de Brasília). Ronaldinho e Thiago Neves estão suspensos com três cartões amarelos. Wanderley, Bottinelli, Diego Maurício e Negueba estão entre as opções do técnico Wanderley Luxemburgo.

Henrique revela bate-papo com Ramires sobre a Seleção Brasileira

08:55 AM, 19/3/2011

 

henrique cruzeiro tolima libertadores (Foto: Juliana Flister / VIPCOMM)Henrique conversou com Ramires sobre Seleção
(Foto: Juliana Flister / Vipcomm)

Convocado para a Seleção Brasileira que enfrentará a Escócia, no próximo dia 27, em Londres, o volante Henrique comentou sobre como será sua rotina na próxima semana, quando se apresentará à Seleção e revelou um contato com um velho conhecido.

- Viajo na quarta-feira para Londres e vou bastante motivado. O Ramires me ligou, falando como é lá na Seleção. Vou motivado para iniciar meu trabalho, me dedicar bastante para ter mais oportunidades.

Henrique revelou que ficou ansioso com a presença do técnico Mano Menezes na partida contra o Deportes Tolima, da Colômbia, na última quarta-feira, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

- Claro que você fica ansioso para mostrar um bom futebol. Mas isso fica só nos primeiros minutos e, depois, você esquece. Foi o que eu fiz, esqueci e me concentrei no jogo para fazer o que vinha fazendo no Cruzeiro.

Henrique afirmou que mantinha esperança em ser chamado há mais tempo.

- Nós já vínhamos conversando que existia a possibilidade de ser chamado pelo que eu vinha fazendo pelo Cruzeiro. Graças a Deus, a oportunidade apareceu. Agora é dar sequência para que eu me firme cada vez mais.

Perto do retorno, Pierre supera dramas para voltar aos gramados

08:52 AM, 19/3/2011

 

Pierre no treino do Palmeiras (Foto: Piervi Fonseca / Ag. Estado)Pierre voltou a fazer trabalhos físicos nesta sexta
(Foto: Piervi Fonseca / Ag. Estado)

Um dos principais ídolos da torcida palmeirense está perto de retornar aos gramados. Praticamente recuperado de uma fascite plantar no pé direito, o volante Pierre vai voltar a correr em campo na segunda-feira e deve estar pronto para jogar em um mês. Uma vitória e tanto para ele, que vem sofrendo com o problema desde o meio do ano passado. O tratamento clínico não resolveu e Pierre teve de passar por cirurgia em janeiro. O alívio está estampado no rosto do jogador, que conviveu com dores quase insuportáveis nos últimos oito meses.

- Era uma dor muito grande. Passei oito meses convivendo com ela. Eram muitas infiltrações, injeções, e às vezes eu acordava e não conseguia pisar com o pé no chão. Foi por causa disso que meu rendimento caiu e acabei perdendo espaço. Chegou uma hora que não deu e eu tive de fazer a cirurgia. Foi um misto de alívio com tristeza – diz o volante.

Bastante identificado com o Palmeiras, Pierre é um dos mais antigos de casa (veja trajetória na linha do tempo abaixo). Mesmo há tanto tempo parado, ele não é esquecido pela torcida e recebeu mensagens de apoio desde que parou para se recuperar. Animado com a proximidade do retorno, o volante mostra que está disposto a ajudar o clube.

- Quero jogar logo, a ansiedade é muito grande. Foram meses muito difíceis, mas encontrei muito apoio e agora só penso na volta – disse.


- O Pierre já está voltando e provavelmente estará à disposição dentro de um mês. É mais um jogador de meio de campo que teremos integrado ao nosso grupo. Ele tem um retrospecto muito bom no Palmeiras – ressaltou Felipão.O técnico Luiz Felipe Scolari reconhece a importância de Pierre no grupo. Apesar de não ter sido tão utilizado desde a chegada de Felipão, em julho do ano passado, o volante tem moral com o chefe por conta de sua história no clube e dedicação com a camisa do Palmeiras. Já são 198 jogos e um apelido: Guerreiro, por conta de sua raça em campo.

Quando retornar, Pierre terá de enfrentar grande concorrência em seu setor, que conta hoje com quatro jogadores frequentemente utilizados: os titulares Márcio Araújo e Marcos Assunção, e os reservas Chico e João Vitor. Sem contar Rivaldo e Tinga, volantes de origem, mas que exercem outras funções no time.

Felipe, Bernardo e Diego Souza unidos por coincidências do passado

08:50 AM, 19/3/2011

 O trio do meio-campo vascaíno formado por Felipe, Bernardo e agora Diego Souza é de impor respeito em qualquer adversário. Além da qualidade, os três tem outra coisa em comum: em algum momento da carreira já atuaram como segundo volante. Hoje em dia esta não é a preferência de nenhum, mas eles estão cientes de que vão precisar relembrar as origens para que Ricardo Gomes consiga escalá-los juntos de maneira harmoniosa.

montagem Felipe Diego Souza Bernardo Vasco (Foto: Editoria de Arte / GLOBOESPORTE.COM)Felipe, Diego Souza e Bernardo são os cérebros da Colina (Foto: Editoria de Arte / GLOBOESPORTE.COM)

Felipe começou a carreira como lateral-esquerdo, mas aos poucos foi sendo deslocado para o meio-campo. No setor, ele já atuou em praticamente todas as posições. Até por não ter mais o vigor físico do início da carreira, o camisa 6 vascaíno gosta de atuar bem encostado no ataque para ter o mínimo de responsabilidade possível na marcação e poder mostrar com liberdade seu repertório de dribles e passes açucarados. No entanto, ele garantiu estar se sentindo tão bem que poderia jogar mais recuado.

A mudança aconteceu mais cedo na carreira de Bernardo. Revelado como volante, ele foi convocado três vezes para as categorias de base da Seleção Brasileira como volante. Na sub-17, sob o comando do técnico Edgard Pereira, foi deslocado para frente em função da habilidade e do chute forte. Quando voltou nunca mais atuou recuado. Justamente por isso Bernardo não tem mudado seu posicionamento após a entrada de Diego Souza no time.

O novo camisa 10 vascaíno também foi avançando cada vez mais desde que subiu para os profissionais. No Vasco mesmo ele treinou como segundo volante, terceiro homem de meio e até mesmo atacante. Apesar de ter preferência de atuar com mais liberdade, Diego Souza disse que volta às suas origens para ajudar o time caso este seja o desejo de Ricardo Gomes.

- Sempre fui de recompor, de ajudar... Quando se jogar mais na frente a prioridade é atacar, mas hoje o futebol precisa da colaboração de todos. Os jogadores no meio vascaíno são de muita qualidade -afirmou.

Para Felipe, a coincidência dos três faz com que o time lembre o esquema de jogo do Barcelona. Mas o apoiador não quis qualquer comparação.

- É claro que estamos muito distantes do Barcelona em termos de qualidade. Mas lá são muitos jogadores com características ofensivas e todos marcam bastante. O importante é querer ajudar. Todos sabem jogar como volante e podem se revezar sempre com muita comunicação - explicou.

Portuguesa e Mirassol duelam tentando se reencontrar com a vitória

08:49 AM, 19/3/2011

 O torcedor da Portuguesa não tem motivos para comemorar em 2011. O time ainda não convenceu na temporada, tem 15 pontos e está a quatro da zona de rebaixamento no Paulistão. Já o Mirassol, que foi a grande sensação do início do campeonato, parece ter perdido o fôlego nas últimas rodadas. A equipe, sexta colocada com 23 pontos, não vence desde 27 de fevereiro, quando fez 2 a 0 no Paulista, em Jundiaí. Por isso, a partida deste sábado, às 16h, no Canindé, é de grande importância para as duas equipes.

Jorginho, treinador da Portuguesa, deve mudar o esquema do time, optando pelo 4-4-2 ao invés da formação com três zagueiros. Bom para Henrique:

- Estamos preparados para jogar em qualquer esquema, mas com dois meias eu posso dividir a armação das jogadas - ressaltou o meia.

Outra novidade é a volta do volante Ferdinando, que estava suspenso. No Mirassol, o técnico Ivan Batello também contará com o retorno de dois titulares: o zagueiro Dezinho e o volante Magal.

Ponte, desfalcada, tenta a sexta vitória fora de casa

A Ponte Preta é a quinta colocada no Paulistão, com 25 pontos, e está atrás apenas dos quatro grandes. O grande trunfo da equipe no campeonato vem sendo o bom desempenho fora de casa. Em seis partidas, foram cinco vitórias e apenas uma derrota. Neste sábado, também às 16h, o time tem a chance de melhorar esse retrospecto contra o Noroeste, em Bauru.

A missão, porém, não será das mais fáceis. Gilson Kleina tem alguns desfalques e deve alterar cinco peças em relação ao time que empatou com o Grêmio Prudente na última rodada. Everton Santos deixou o clube, Renatinho e Mancuso se machucaram no treino de quinta e Leandro Silva e Ferron voltam ao time nos lugares de Diego Jussani e Wellington.

Confira os jogos da 14ª rodada do Paulistão

Sábado (19/03)
16h - Noroeste x Ponte Preta
16h - Portuguesa x Mirassol
18h30m - Santo André x Oeste
18h30m - Botafogo-SP x Paulista
18h30m - Bragantino x Santos

Domingo (20/03)
16h - Corinthians x Americana
16h - São Caetano x Palmeiras
18h30m - Ituano x Mogi Mirim
18h30m - Linense x São Bernardo
18h30m - Grêmio Prudente x São Paulo

Figo diz que Inter ficou satisfeito por pegar Schalke e evitar os espanhóis

08:49 AM, 19/3/2011

 

Figo na candidatura de Portugal na eleiçãod  a FIFA (Foto: AFP)Figo é embaixador do Internazionale de Milão (AFP)

Embaixador do Inter de Milão e representante do clube italiano no sorteio da última sexta-feira dos confrontos da Liga dos Campeões, o português Luis Figo declarou que os nerazzurri ficaram satisfeitos por enfrentarem o Schalke nas quartas de final e, consequentemente, terem evitado um duelo com Real Madrid e Barcelona na fase seguinte.

– O Schalke antes do sorteio era a equipe que todos queriam. Estamos contentes, mas no futebol neste nível é preciso respeitar o adversário. As partidas são vencidas em campo. O Schalke tem qualidade, eliminou o Valencia, que é uma equipe forte na Espanha – disse Figo à rede de televisão "Sky Sport".

Pensando mais à frente no torneio, o ex-jogador comemorou o fato de o Inter ter que medir forças com Real ou Barça, times pelos quais atuou, apenas em uma eventual final.

– Temos a sorte de ter o Schalke como adversário. Depois, estamos bem, enfrentaremos na semifinal o Chelsea ou o Manchester United. Neste sentido, tivemos sorte também por ter evitado o Real Madrid e ao Barcelona – acrescentou.

O português disse ainda que seria melhor decidir na Itália, e não na Alemanha, como ficou definido no emparelhamento dos confrontos, mas ressaltou que isso não será determinante.

– Demonstramos diante do Bayern de Munique vontade e ambição de ir sempre bem após um momento difícil. E também a força de um grupo que quer fazer de tudo para chegar até o final da competição – afirmou, lembrando que o Inter buscou a classificação vencendo por 3 a 2 no estádio Allianz Arena depois de ter perdido por 1 a 0 em casa.

Emerson rescinde contrato com o Bugre e acerta com o América-RN

08:47 AM, 19/3/2011

 O Guarani-MG sofreu uma baixa no elenco, nessa sexta-feira. O volante Emerson aceitou uma proposta do América-RN e, após reunião com a diretoria do clube, foi liberado. Assim, não faz mais parte do grupo de jogadores do Bugre para a disputa do Campeonato Mineiro. Emerson vai atuar na equipe treinada por Flávio Lopes, ex-América-MG.

- Fiz uma amizade muito grande com os companheiros. Só que eu tenho que ver também minha situação. Tenho um contrato até o fim do Mineiro e, depois, não sabia meu destino. Agora, surgiu a oportunidade e conversei com os dirigentes do Guarani-MG, e acharam melhor fazer a rescisão para eu dar sequência na carreira – disse Emerson ao site oficial do clube.

O técnico José Ângelo segue preparando o Guarani-MG para o confronto com o Tupi, neste domingo, às 16h (de Brasília), no Farião, em Divinópolis. O Bugre é o sétimo colocado, com sete pontos ganhos.

Clássico entre Fortaleza e Ferrão é destaque de duas rodadas no CE

08:46 AM, 19/3/2011

 

valdiran ferroviário (Foto: Divulgação / Site oficial do Ferroviário)Valdiram foi apresentado pelo Ferroviário e deve
estrear em clássico (Foto: Divulgação)

Em final de semana incomum, o Campeonato Cearense tem partidas de duas rodadas diferentas neste domingo. Apesar da confusão na tabela, todas as equipes já disputaram duas partidas neste segundo turno. Além disso, todas as equipes que estão no G-4 se enfrentam. Com seis pontos cada, o líder Fortaleza e o terceiro colocado Ferroviário fazem o clássico da segunda rodada, no Castelão, domingo, às 16h. O Ceará, em segundo, encara o quarto lugar Guarani, no Romeirão, em Juazeiro, também às 16h de domingo, em jogo válido pela terceira rodada.

O Ferroviário pode contar com a estreia de dois reforços. O atacante Valdiram, ex-Vasco, e o zagueiro Ediglê, ex-Inter, tiveram seus nomes publicados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF e devem encarar o Fortaleza. No entanto, o meia Leandro está fora, após uma lesão na clavícula. O técnico Filinto Holanda ainda não definiu qual será a equipe titular.

Depois de ser eliminado da Copa do Brasil pelo Flamengo, na quarta-feira, o Tricolor terá mais um problema: o atacante Léo Andrade saiu da partida com dores e terá de passar por uma artroscopia no joelho direito. O tempo de recuperação previsto é de 45 dias. Com isso, Léo está fora do Campeonato Cearense. Para o clássico deste domingo, o técnico do Fortaleza, Flávio Araújo, ainda não definiu quem será o titular. Tatu é o favorito para a vaga.

Já o Ceará, campeão do primeiro turno, deve entrar em campo contra o Guarani de Juazeiro com uma formação mais ofensiva. O técnico Dimas Filgueiras deve abandonar o 3-5-2, usado na partida contra o Brasiliense, pela Copa do Brasil, e escalar o meia Sérgio Motta no lugar do zagueiro Cléber. O treinador ainda precisa escolher o substituto do volante Heleno, que cumpre suspensão.

veja as partidas do fim de semana do Campeonato Cearense

Domingo (20/03)

16h - Fortaleza x Ferroviário (2ª rodada)
16h - Quixadá x Itapipoca (2ª rodada)
16h - Guarani de Juazeiro x Ceará (3ª rodada)
16h - Tiradentes x Icasa (3ª rodada)
16h - Horizonte x Limoeiro (3ª rodada)
16h30m - Guarany de Sobral x Crato (3ª rodada)

Técnica de investigação criminal ajuda Botafogo a preparar jogadores

08:46 AM, 19/3/2011

 

análise do Botafogo de tempo real  (Foto: Gustavo Rotstein / GLOBOESPORTE.COM)Integrantes da Tempo Real: projeto pioneiro
(Foto: Gustavo Rotstein / GLOBOESPORTE.COM)

Durante o tratamento da quarta cirurgia sofrida alternadamente nos dois joelhos, o botafoguense Glauco Guimarães se impressionou com a rápida melhora. Assim, teve a curiosidade de analisar mais a fundo todos os procedimentos e entender o motivo de tanta diferença entre uma recuperação e outra. Em uma conversa com seu fisioterapeuta, decidiu adaptar para o esporte o serviço de coleta de dados e cruzamento de informações que a Tempo Real, empresa da qual é presidente, presta para diversos órgãos públicos e privados, principalmente na busca pela solução de crimes. Foi dessa maneira que o Botafogo passou a dispor da ferramenta, considerada pioneira no mundo do futebol.

Foi ainda com a comissão técnica comandada por Ney Franco, em 2009, que o Botafogo passou a utilizar a versão esportiva do programa que, a pedido do Senado Federal, cruzou 66 milhões de informações na CPI dos Correios, na investigação dos acusados de envolvimento no Mensalão. A ferramenta, criada por ex-integrantes da Scotland Yard (agência de investigação britânica), é utilizada por cerca de cinco mil agências em todo o mundo, incluindo o FBI americano e a Polícia Federal do Brasil.

- O desafio foi adaptar para o esporte uma ferramenta utilizada em todo o mundo somente para investigações em área de inteligência, que serve para analisar grandes volumes de dados e apontar a materialidade e autoria de qualquer tipo de crime. Hoje, o Botafogo e a Tempo Real são pioneiros. Desafio qualquer clube a mostrar um banco de dados tão rico e fácil de ser manuseado como o do Botafogo. Foi um casamento perfeito - disse Glauco Guimarães.

Extenso banco de dados elaborado com ajuda de profissionais do Botafogo

O primeiro passo foi armazenar no banco de dados, por meio da ferramenta chamada Sector, todas as informações relacionadas ao departamento de futebol. Isso inclui exames médicos, tratamentos de fisioterapia e tipos de treinamentos no campo, passando por contratos dos jogadores e atuação dos árbitros no Campeonato Brasileiro, por exemplo. Qualquer dado postado no banco pode ser visualizado pelos profissionais do clube (desde que tenham autorização, dependendo de sua área de atuação) e, assim, o trabalho torna-se integrado.

- Os profissionais do Botafogo se reuniram conosco para a elaboração do banco. Registramos toda e qualquer ação da rotina dos jogadores, sejam treinos, tratamentos médicos ou contratos - explicou Marcelo Xavier, analista de sistemas da Tempo Real, que trabalha diretamente com o Alvinegro, acompanhando treinamentos e partidas.

análise do Botafogo de tempo real  (Foto: Gustavo Rotstein / GLOBOESPORTE.COM)Linha temporal exibe todos os eventos relacionados a jogador específico em sua passagem pelo Botafogo (Foto: Divulgação)

Ao acompanhar todo procedimento de um jogador - como carga de treinos, lesões e tratamentos - é possível, segundo os usuários do banco de dados, até mesmo saber se ele está propenso a uma lesão e, assim, poupá-lo de um treinamento. Com o cruzamento de informações de várias áreas, é criado automaticamente um relatório sobre as condições de cada atleta, incluindo até os da categoria pré-mirim do clube.

- Anotar o que aconteceu num treino, por exemplo, todo mundo anota. Mas há alguns detalhes que não são notadas. Por exemplo, as observações feitas por vários médicos diferentes podem não saltar aos olhods se forem anotadas manualmente e ficarem esquecidas numa folha de papel sem que se possa relacioná-las com outros eventos. Num simples teste físico numa esteira há 4.400 variáveis por jogador. Mente alguma consegue processar isso e tirar conclusões - destacou Altamiro Bottino, fisiologista do Botafogo, que é um dos maiores entusiastas do projeto e auxiliou a empresa no desenvolvimento do programa.

Segundo Bottino, a ferramenta poderá, em determinado momento, apontar que um jogador está sujeito a sofrer uma lesão que dificilmente seria identificada com simples observações.

- Vamos conseguir notar que uma atadura ou até uma chuteira utilizada por um jogador vem causando lesões - destacou.

Análise de adversários e de comportamento dos árbitros

Dessa forma, um médico do Botafogo que eventualmente esteja fora do Rio de Janeiro consegue, pelo seu computador, onde quer que esteja, observar como foi a cirurgia no joelho de um atleta. Na temporada de treinos do Alvinegro durante a última Copa do Mundo na Granja Comary, em Terespólis, o departamento médico conseguiu acessar o último exame médico do volante Somália para observar qual era a evolução de sua lesão.

- Normalmente seria preciso pedir a alguém que fosse ao Rio de Janeiro buscar o exame para que ele fosse analisado na Granja - exemplificou Altamiro Bottino.

análise do Botafogo de tempo real  (Foto: Gustavo Rotstein / GLOBOESPORTE.COM)Tecnologia analisa chutes a gol do adversário
(Foto: Divulgação)

Mas o volume de informações à disposição do Botafogo não se restringe aos departamento médico e físico. Por meio do programa StatDNA, o clube recebe uma ampla variedade de dados estatísticos sobre seus adversários. Jogadores que mais chutam a gol, de onde preferem chutar e em que parte da baliza a bola costuma entrar são alguns deles. Além disso, o técnico Joel Santana pode saber como normalmente costuma se comportar uma equipe no primeiro e no segundo tempo e por onde o time prefere atacar, por exemplo. O Alvinegro também tem acesso até a informações de árbitros: quais dão mais cartões amarelos e vermelhos e em que período do jogo usualmente punem os atletas.

Em cada um desses itens há trechos das partidas em vídeo que exemplificam e ajudam a comissão técnica do Botafogo a estudar melhor os adversários. Além disso, o programa produz relatórios com a análise completa da equipe que o Alvinegro enfrentará em breve.

Se Joel Santana se mantém fiel à velha prancheta, também se mostra aberto ao uso da tecnologia para avaliar seus jogadores e analisar os adversários. O auxiliar Jair Ventura, que atualmente serve à Seleção Brasileira sub-17, é o principal elo entre o recurso tecnológico e o treinador alvinegro no momento de transmitir detalhes que podem decidir qual será a formação do Alvinegro em determinada partida.

Para Marcelo Xavier, da Tempo Real, a aliança entre tecnologia e futebol ainda sofre certa resistência, mas, para ele, o Botafogo poderá servir de exemplo para outros clubes em um futuro próximo.

- A tecnologia é um desafio, não só pelo que pode produzir, mas também por ainda existir um paradigma de que ela substituirá o profissional. Isso não acontece. Trata-se de uma ferramenta - observou.

Liverpool esperançoso em voltar a disputar a Liga Europa em 2011

08:45 AM, 19/3/2011

 

Reina, Liverpool (Foto: getty image)Assim como o Liverpool, Reina está cansado de
perder: goleiro acredita no quinto lugar (Foto: Getty)

Goleiro do Liverpool, o espanhol Pepe Reina mantém suas esperanças de que a equipe possa, à essa altura, conquistar o quinto lugar na tabela do Campeonato Inglês para ir na próxima temporada para a Liga Europa, a partir de agosto, única competição à qual podem aspirar os Reds atualmente.

Na noite da última quinta-feira, o Liverpool saiu dessa competição ainda nas oitavas de final, após empatar sem gols com o Braga de Portugal, que se beneficiou do único gol conseguido nessa eliminatória no dia 10 de março em casa (1 a 0). O arqueiro disse estar se sentindo bem apesar da pobre temporada da equipe.

– Estivemos melhor nos últimos meses. Temos que olhar em conjunto e a realidade é que estamos melhorando e crescendo. Infelizmente a Liga Europa é um troféu que já não dá mais para ganhar e é hora de se concentrar no inglês para terminar o mais em cima possível – opinou.

Com 42 pontos, o Liverpool ocupa a sexta colocação na Premier League e está a seis do Tottenham, único classificado no momento à Liga Europa através da competição, além de ter um jogo a mais.

Com novos técnicos, América e Americano buscam reabilitação

08:43 AM, 19/3/2011

 Na classificação geral do Campeonato Carioca (somando-se a Taça Guanabara com a Taça Rio), a situação é alarmante para as torcidas americanas no estadual. Com apenas sete pontos ganhos em dez jogos disputados, e na última posição entre os 16 clubes participantes, o América tenta amenizar a crise e, para isso, trocou o treinador no início da semana: Lulinha deu vaga a Ademar Braga. Já no Americano, 13º colocado na classificação geral, o clima esquentou após a goleada de 4 a 0 sofrida para o Botafogo na última rodada e o ex-técnico Toninho Andrade pediu demissão. Para seu lugar chega Acácio, ex-goleiro do Vasco, que comandará uma equipe pela primeira vez. Os novos comandantes terão cinco rodadas para tentarem afastar as chances de rebaixamento. Os dois últimos colocados da competição disputarão a Série B do Carioca em 2012.

O técnico Acácio Barreto, do Vasco, durante partida contra o Atlético-PR (Foto: AE)Acácio foi treinador de goleiros do Botafogo durante cinco anos e auxiliar de PC Gusmão no Vasco (Foto: AE)

Ademar Braga foi anunciado no cargo na segunda-feira e já começou a preparação para a partida deste sábado, contra o Olaria, às 16h (horário de Brasília), na Rua Bariri. Sem o lateral Maciel, no departamento médico, o técnico fará algumas alterações na equipe. No jogo-treino contra o Mesquita, nesta quinta-feira, Bruno Santos foi testado na posição e deve começar jogando. Mesmo caso de Arcelino, que ocupa a posição vaga no meio-campo. Wellington também pode ganhar a posição de titular no ataque. O América é o sexto colocado do Grupo A da Taça Rio com três pontos.

- Os três dias de treinamento já surtiram efeito, o time está bem compacto. Só que o que vale é o jogo. Por tradição, o America sempre joga bem na Rua Bariri. Hoje a pontuação é diferente, mas futebol não é matemática. A situação é complicada, mas eu não vou abrir mão da ofensividade. A troca de treinador motivou os jogadores e temos totais condições de fazer um jogo - afirmou Ademar.

Pelo lado do Olaria o clima é de otimismo. Após duas vitórias seguidas, contra Boavista e Resende, o time joga em casa e, dependendo dos outros resultados, pode chegar à ponta do Grupo B. Com uma vitória, o time vai a nove pontos e pode dividir a liderança da chave ao lado do Botafogo se este perder para o Vasco e o Fluminense não derrotar o Boavista. Sem desfalques, a equipe tem o retorno do meia Renan Silva, que cumpriu suspensão na última rodada.

Prováveis escalações

Olaria: Henrique; Ivan, Thiago, Rafael e Calisto; David, Felipe, Danilo e César Mena; Waldir e Victor. Técnico: Cleimar Rocha. Pendurados: Não há

América: Paulo Wanzeler, Edson, Luiz Antônio, Allan Kardek e Bruno Santos; Ives, Mário Cesar, Bruno Reis e Arcelino; Wellington e Hugo. Técnico: Ademar Braga. Pendurado: Mario Cesar

Para se distanciar da zona de descenso do estadual, o Americano, quinto colocado do grupo A com quatro pontos, larga um ponto à frente do concorrente direto América, mas começou mais tarde o trabalho com o novo técnico. Acácio só foi contratado na quarta-feira e teve menos tempo para preparar o time que recebe o Madureira neste sábado, às 16h (horário de Brasília), no estádio Godofredo Cruz. No primeiro coletivo, O treinador manteve a mesma formação utilizada por Toninho Andrade nos últimos jogos e ensaiou jogadas de ataque e de bola parada. O único desfalque pode ficar por conta do volante Índio, que sofreu uma pancada no tornozelo direito, deixou o campo com dores e virou dúvida para a rodada.Fuga do rebaixamento

Pelo Madureira, na quinta posição do Grupo B, a vitória é fundamental para o time seguir vivo no segundo turno do Campeonato Carioca. O técnico Antonio Carlos Roy já pensa em mudar a configuração do time titular, passando a utilizar três zagueiros. Esse pensamento está diretamente ligado ao retorno do zagueiro Douglas Assis, que cumpriu contra o Vasco, no último domingo, seu último jogo de suspensão pela expulsão contra o Macaé, na sexta rodada da Taça Guanabara. Por outro lado, o atacante Baiano está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e dois jogadores ainda estão no departamento médico: o lateral-direito Ivonaldo e o atacante Marcelo Ramos, ambos com lesões na coxa.

Prováveis escalações

Americano: Jefferson, Ayrton (Felipe), Élson, Gustavo Breda e Carlos Alberto; Índio (Renan), Marciel, Flavio Medina, Gustavinho e Éberson; Diego (Léo Santos). Técnico: Toninho Andrade.Pendurado: Carlos Alberto

Madureira: Anísio; Luiz Otávio, Gomes e Douglas Assis; Valdir, Vinicius, Rodrigo, Michel e Zeca; Maciel e Adriano Magrão. Técnico: Antonio Carlos Roy. Pendurados: Não há

Mata-Mata

Com o mesmo intuito de se distanciar da zona da degola na classificação geral, e ainda aspirando melhor sorte na Taça Rio, Volta Redonda e Macaé se neste sábado, às 16h (horário de Brasília), no estádio Raulino de Oliveira. Times estão na quarta posição de cada grupo e uma vitória pode aproximá-los dos líderes. Porém, uma derrota pode deixa-los longe do sonho da classificação às semifinais do segundo turno.

Há quatro anos sem vencer o Macaé, o Volta Redonda esperar usar o fator “casa” para surpreender o adversário. Para isso, o técnico Dário Lourenço optou por não fazer nenhuma alteração tática em relação ao time que empatou em 0 a 0 com o Duque de Caxias, na rodada anterior. A única mudança ficou por conta da saída do atacante Pedro Henrique, que sentiu indisposição estomacal, para a entrada de Canú. A boa notícia foi a recuperação do meio campo Lopes, que se recuperava de contusões no tornozelo e na panturrilha desde a Taça Guanabara. O jogador foi relacionado para o banco de reservas.

No Macaé, o treinador Marcelo Buarque deve promover apenas uma mudança em relação ao time que foi derrotado por 1 a 0 para o Nova Iguaçu, no último jogo: o volante Osmar pode recuperar a vaga na cabeça de área e, com isso, André Gomes retorna para o meio de campo. Neste caso, Siston e Danilo brigam pela última vaga no setor. O comandante levará esta dúvida até momentos antes de a bola rolar na Cidade do Aço.

Prováveis escalações

Volta Redonda: Mauro; Bruno Barra, Ávalos, Lombardi, Padovani e Fabinho; Léo Gonçalves, Jonilson e Glauber; Jean e Pedro Henrique (Jhonnattann). Técnico: Dário Lourenço.Pendurados: Lombardi e Canú

Macaé: Lugão; Marcos Tamandaré, Eduardo Luiz, Ciro e Bill; Gedeil, Danilo, André Gomes e Siston; Luís Mário e Marcelo. Técnico: Marcelo Buarque. Pendurados: Não há

Para “ressucitar”

Últimos colocados dos dois grupos da Taça Rio, Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Bangu e Resende se enfrentam neste final para tentarem melhorar a fase das equipes.

Último colocado do Grupo B, com apenas dois pontos, o Duque de Caxias visita o Nova Iguaçu, na penúltima posição do Grupo A com três pontos, neste sábado, às 16h (horário de Brasília), no estádio Jânio Moraes. Esta será a primeira partida entre as equipes pela primeira divisão do Campeonato Carioca. No clássico da Baixada Fluminense, o time da casa, com o retorno do zagueiro Alex Moraes, que cumpriu suspensão no jogo passado, vai completo para o duelo. Com isso, Naylhor volta para o banco. Já o Duque de Caxias não poderá contar com o zagueiro Fábio Braz, que fará uma atroscopia no joelho para curar uma inflamação na cartilagem e está fora do restante do torneio.

Prováveis escalações

Nova Iguaçu: Diogo, Paulo Henrique, Leonardo Luiz, Alex Moraes e Cortês; Amaral, Luan, Marquinhos e Dieguinho; Maycon e William. Técnico: Josué Teixeira. Pendurados: Bruno Cortês, Paulo Henrique e Wiliam Barbio

Duque de Caxias: Fernando; Gerônimo, Vítor, Marlon e Hamilton; Antônio, Lenon, Juninho e Bruno Moreno; John e Somália. Técnico: Waldemar Lemos. Pendurados: Hamilton e Lenon

Já o Bangu, sexto colocado do Grupo B com três pontos, recebe o Resende, que ainda não somou pontos no segundo turno e está na lanterna do Grupo A, no domingo, às 16h(horário de Brasília), em Moça Bonita. As duas equipes já se enfrentaram este ano na semifinal do Troféu Washington Rodrigues, quando a partida terminou empatada em 1 a 1 e o Resende levou a melhor nas cobranças de pênalti. A única alteração do Bangu será na lateral-direita: Gedeílson entra na vaga de China, negociado com o ABC de Natal. Pelo Resende, a novidade poderá ser a presença do meia Valdeir. O jogador desfalcou a equipe nos três últimos jogos, com uma lesão muscular na panturrilha esquerda. Além dele, o centroavante Marcelo Régis, um dos artilheiros da equipe no estadual, com três gols, está praticamente recuperado da fratura que sofreu no nariz e só aguarda a confecção de uma mascará protetora para jogar novamente.

Prováveis escalações

Bangu: Thiago Leal, Gedeílson, Abílio e Fabiano Silva; Josiel, André Barreto, Thiago Galhardo e Ricardinho; Pipico e Somália. Técnico: Gabriel Vieira. Pendurados: André Barreto e Ricardinho

Resende: Eduardo; Tiago Bastos, Anderson Conceição, Rogério e Wellington; Anderson Domingues, Gabriel, Léo Silva (Valdeir) e Marcel; Alexandro e Marcelo Régis. Técnico: Paulo Campos. Pendurados: Não há
 

Bayern e Dortmund formam base da Alemanha para eliminatórias da Euro

08:43 AM, 19/3/2011

 

klose alemanha x italia (Foto: Reuters)Thomas Müller e Klose, ambos do Bayern, estarão
em campo contra Cazaquistão e Austrália (Reuters)

O Borussia Dortmund, líder do Campeonato Alemão, e o Bayern de Munique, quarto colocado, com quatro e sete jogadores convocados, respectivamente, formam a base da lista divulgada pelo técnico Joachim Löw para as partidas da Alemanha contra o Cazaquistão e a Austrália.

O confronto diante dos cazaques, marcado para o próximo dia 26, em Kaiserslautern, será válido pelo Grupo A das eliminatórias para a Eurocopa de 2012, que é liderado pelos alemães, com 12 pontos. Três dias depois, em Mönchengladbach, os adversários serão os australianos, dessa vez em amistoso.

A convocação inclui 16 atletas que conquistaram o terceiro lugar da última Copa do Mundo, e apenas três jogadores chamados atuam fora do país: o lateral Jerome Boateng, do Manchester City, e os meio-campistas Sami Khedira e Mesut Özil, ambos do Real Madrid.

Confira a lista completa:

Goleiros: Manuel Neuer (Schalke 04), René Adler (Bayer Leverkusen) e Tim Wiese (Werder Bremen).

Defensores: Philipp Lahm (Bayern de Munique), Holger Badstuber (Bayern de Munique), Matt Hummels (Borussia Dortmund), Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund), Dennis Aogo (Hamburgo), Jerome Boateng (Manchester City), Arne Friedrich (Wolfsburg) e Per Mertesacker (Werder Bremen).

Meio-campistas: Sven Bender (Borussia Dortmund), Mario Götze (Borussia Dortmund), Sami Khedira (Real Madrid), Mesut Özil (Real Madrid), Toni Kroos (Bayern de Munique), Thomas Müller (Bayern de Munique), Bastian Schweinsteiger (Bayern de Munique), Andreas Schürrle (Mainz 05) e Christian Traesch (Stuttgart).

Atacantes: Lukas Podolski (Colônia), Mario Gomez (Bayern de Munique) e Miroslav Klose (Bayern de Munique).

Alexandre Pato é flagrado entrando em casa com Barbara Berlusconi

08:39 AM, 19/3/2011

 Jogador brasileiro:estaria vivendo um affair com a filha de Silvio Berlusconi

QUEM ONLINE

 Reprodução 
A revista italiana especializada em celebridades "Chi" publicou em suas páginas na quarta-feira (16) fotos deAlexandre Pato e Barbara Berlusconi deixando juntos a festa em comemoração aos 25 anos de Silvio Berlusconi, pai da jovem, à frente do Milan, time do jogador.

Nas imagens, é possível ver a dupla, que estaria vivendo um affair, entrando discretamente no mesmo carro. De acordo com a "Chi", o suposto casal preferiu deixar a comemoração para curtir um jantar à luz de velas realizado na casa do ex-marido de Sthefany Brito, em Milão, para onde o carro se dirigiu.

 Reprodução 

Sem Valdivia, Felipão esboça time com três atacantes contra o Azulão

08:38 AM, 19/3/2011

 

luan comemora gol do palmeiras sobre o goiás (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)Luan deve ser titular no duelo contra o São Caetano
(Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

O Palmeiras pode ter uma formação diferente para o jogo deste domingo, contra o São Caetano, no Anacleto Campanella. Sem Valdivia, com dores na coxa e liberado para a seleção chilena, o técnico Luiz Felipe Scolari pode utilizar três atacantes diante do Azulão. Nesta sexta-feira, Felipão revelou que deve promover a volta de Adriano ao ataque, mas também manter Luan, autor de dois gols na vitória por 4 a 0 sobre o Uberaba, na quarta-feira.

Em momentos distintos da entrevista, Felipão sinalizou que os dois jogadores podem ser titulares no domingo. Para a vaga de Valdivia, Tinga e Vinícius correm por fora na disputa.

Em Uberaba, o técnico promoveu três mudanças por conta do campo pesado: tirou os rápidos Cicinho, Gabriel Silva e Adriano e lançou os fortes Chico, Rivaldo e Luan. Ao mesmo tempo em que confirmou a volta dos titulares – isso se não chover em São Caetano do Sul -, o técnico falou sobre a manutenção de Luan na equipe.

- O Luan jogou muito bem, só teve uma pequena queda no início da temporada. Ele entrou e fez aquilo que normalmente faz. Depende do esquema que vou usar, mas é provável que ele continue na equipe – disse o técnico.

Contra o Azulão, Valdivia será a única ausência. Com elenco quase completo, a escalação só será definida após o treino deste sábado, que será fechado. A julgar pelas pistas dadas por Felipão na entrevista, o time provável é: Deola, Cicinho, Danilo, Thiago Heleno e Gabriel Silva; Márcio Araújo, Marcos Assunção e Patrik; Luan, Kleber e Adriano Michael Jackson.

América-TO surpreende o Coelho e derrota o último invicto do Mineiro

08:31 AM, 19/3/2011

 O América-MG não repetiu as boas atuações e foi derrotado em plena Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, pelo xará de Teófilo Otoni, por 3 a 1. Assim, caiu o último invicto na competição. O Coelho não conseguiu se impor e mereceu a derrota. Fábio Júnior, mesmo com a derrota, fez mais um gol e segue com uma média incrível. Até agora, foram 11 gols em apenas sete jogos. O Dragão marcou com Jadson e Jonatas Obina (2).

Com o resultado, o Coelho segue na segunda posição, como 16 pontos, atrás do Cruzeiro, que leva vantagem no saldo de gols. O América-TO, por sua vez, subiu na tabela de classificação e já ocupa a quarta colocação, com 12 pontos, no G-4 do Campeonato Mineiro.

Agora, na próxima rodada, o Dragão receberá o Guarani-MG, no domingo, às 16h (de Brasília), em Teófilo Otoni. O América-MG terá uma partida dificílima, diante do Cruzeiro, no clássico de Varginha. A partida também será realizada no domingo, às 16h.

Superioridade do Dragão

O América-MG começou um pouco melhor, pressionando o adversário e buscando o gol que lhe devolveria a liderança isolada do Campeonato Mineiro. O time tocava bem, girava a bola no setor ofensivo e sempre procurava Fábio Júnior, artilheiro da competição, com dez gols marcados. Porém, o Coelho esbarrava na forte marcação do América-TO, que além de zagueiros bem posicionados, contava com as excelentes intervenções do goleiro Fábio Noronha, ex-jogador do Flamengo.

Aos poucos, a equipe de Teófilo Otoni equilibrou as ações e passou também a atacar. O Dragão avançou um pouco a marcação e começou a dificultar a vida dos donos da casa. Aos 15 minutos, o goleiro do Coelho, Flávio, fez um verdadeiro milagre, ao defender um chute à queima roupa de Bruno Barros.

Porém, após a cobrança de escanteio, o América-TO chegou ao primeiro gol. Aos 16 minutos, a bola ficou viva dentro da área, e o zagueiro Jadson, de frente para Flávio e sem marcação, bateu de perna direita, no canto esquerdo: 1 a 0.

O Coelho tinha chances apenas em chutes de fora da área, com Irênio e, principalmente com Fábio Júnior. A propósito, é impressionante a precisão do artilheiro do estadual. Em três chutes, Fábio Noronha rebateu dois e um acertou a trave direita, na melhor chance do América-MG na partida.

Em compensação, o Dragão sempre levava muito perigo nos contra-ataques, com Rogélio e Jonatas Obina, que deram muito trabalho à defensiva da equipe de Belo Horizonte.

Show de Jonatas Obina

O América-MG voltou disposto a empatar, mas não conseguia levar perigo ao gol de Fábio Noronha. O Dragão de Teófilo Otoni, por sua vez, se mostrava muito tranquilo e, em determinados momentos, já começava a gastar o tempo como podia. O Coelho pressionava, mas sem nenhuma atitude um pouco mais incisiva.

Porém, não se pode dar espaço a artilheiros. E foi assim com Fábio Júnior. Aos 23 minutos, Thiago Silvy foi à linha de fundo, pela direita, e cruzou. O goleador do Campeonato Mineiro se aproveitou da liberdade e tocou na saída de Fábio Noronha. Foi o 11º gol do atacante na competição.

Mas o América-TO não estava morto e, imediatamente, voltou a ficar à frente no placar. Micão tentou sair jogando e perdeu a bola para Jonatas Obina. Aos 27 minutos, o atacante penetrou na área e tocou forte, no ângulo direito de Flávio: 2 a 1.

O Dragão continuava melhor e, aos 37, fez o terceiro. Em cruzamento para a área, Micão colocou a mão na bola de forma intencional. O árbitro marcou pênalti e expulsou o zagueiro. Jonatas Obina bateu no meio do gol e marcou seu sétimo gol no estadual.

Dinamite recepcionará Obama junto de Cabral

04:52 PM, 18/3/2011

 

Camisas do Vasco - Obama (Foto: Divulgação)Terceira camisa do Vasco será lançada oficialmente apenas no dia 24 de março (Foto: Divulgação)

LANCEPRESS!
Publicada em 18/03/2011 
Rio de Janeiro (RJ)

O presidente Roberto Dinamite estará junto do governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, para recepcionar o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, que chegará ao Brasil neste sábado. Segundo sua assessoria de imprensa, o mandatário irá entregar uma camisa personalizada ao presidente norte-americano.


Obama ganhará a terceira camisa cruz-maltina, que será lançada no dia 24 de março. Nela estará escrito o seu nome nas costas com o número 10. Sua esposa, filhas e mãe, também serão presenteadas pelo Vasco.

Camisas personalizadas com os nomes de Obama e sua mãe, Sarah Hussein (Foto: Divulgação)


Diretoria sabe que não pode segurar Felipão, mas crê na permanência dele

04:46 PM, 18/3/2011

 

Felipão Scolari (Foto: Ag. Estado)Felipão está na mira do Fluminense (Foto: Ag. Estado)

Luiz Felipe Scolari foi notícia durante a semana na imprensa portuguesa, que informou que o treinador do Palmeiras interessava ao Sporting e até ao Fluminense. O comandante palmeirense despistou sobre o assunto. Já o presidente Arnaldo Tirone se manifestou e deixou claro que não pretende se desfazer do treinador.

- Nesse momento nossa meta é manter a comissão técnica. O Felipão tem contrato com o Pameiras, é um técnico de grande porte e todos os clubes assediam esse tipo de técnico. Mas nossa filosofia de trabalho é manter a nossa comissão técnica. Não temos intenção nenhuma de fazer essa mudança, estamos muito felizes com o trabalho dele - disse o mandatário em entrevista à rádio Jovem Pan.

A tranquilidade de Tirone tem explicação: ele ouviu do próprio técnico que não pretende deixar o Palmeiras, muito menos para outro clube brasileiro. 

- Conversei com ele por mais de uma hora ontem e ele me disse que se tiver que ficar no Brasil vai ficar no Palmeiras e não tem a intenção de sair.O vice-presidente, Roberto Frizzo, vai na mesma linha de Tirone e, apesar de afirmar que é impossível segurá-lo no clube, não acredita em sua saída.

- O Felipão é um treinador, não um atleta, e não temos os direitos econômicos dele. Se amanhã ou depois ele se interessar por outra proposta e quiser rescindir conosco é uma escolha dele. E tenho certeza que com a dignidade e correção que ele tem, nos procurará antes de qualquer decisão. Enquanto isso não ocorrer, estamos tranquilos de que ele estará domingo dirigindo o time contra o São Caetano. E não estamos procurando outro treinador - explicou o dirigente, em entrevista à rádio Bandeirantes.

Além do possível interesse de outros clubes em Felipão, há dentro do próprio Palmeiras uma certa divergência sobre a permanência do comandante. Alguns conselheiros acham que o técnico recebe um salário muito alto, incompatível com a atual situação financeira do Alviverde

Brasileiro naturalizado é convocado para amistosos da seleção mexicana

04:45 PM, 18/3/2011

 

zinha méxico (Foto: Getty Images)Zinha de volta à seleção (Foto: Getty Images)

A convocação da seleção mexicana trouxe uma novidade brasuca. O meia brasileiro naturalizado mexicano, Zinha, que defendeu o México na Copa do Mundo da Alemanha, em 2006, mas ficou fora do Mundial da África, no ano passado, é um dos principais nomes da lista do técnico José Manuel de la Torre para dois amistosos internacionais. O primeiro é contra o Paraguai, no dia 26, e o segundo, contra a Venezuela, três dias depois, ambos nos Estados Unidos.

O jogador foi revelado na base do América-MG, mas está há 13 anos no país da América Central. Atualmente, Zinha defende o Toluca. Dois outros atletas que voltam à equipe são Efráin Juárez, do Celtic, e o atacante Carlos Vela, do West Bromwich, suspensos por seis meses por atos de indisciplina. O destaque da equipe de La Torre é "Chicharito" Hernández, do Manchester United.

Confira a lista completa de convocados:

Goleiros: Guillermo Ochoa (América) e Alfredo Talavera (Toluca).

Defensores: Paul Aguilar (Pachuca), Ricardo Osorio (Monterrey), Francisco Javier Rodríguez (PSV Eindhoven), Edgar Donas (Toluca), Johnny Magallón (Chivas Guadalajara), Héctor Moreno (AZ Alkmaar), Jorge Torres (Tigres), Carlos Salcido (Fulham) e Rafael Márquez (New York Red Bulls).

Meio-campistas: Israel Castro (Pumas), Efraín Juárez (Celtic), Andrés Guardado (Deportivo La Coruña), Zinha (Toluca), Luis Pérez (Monterrey) e Gerardo Torrado (Cruz Azul).

Atacantes: Pablo Barrera (West Ham), Elías Hernández (Morelia), Carlos Vela (West Bromwich), Aldo de Nigris (Monterrey), Javier Hernández (Manchester United) e Giovanni Dos Santos (Racing Santander).