flamengo info!

Flamengo tem negociação com Hernan Novick !

03:21 PM, 13/1/2013

assista ao video !

Jogador uruguaio perto de Fechar com Flamengo !

03:14 PM, 13/1/2013

Jornal Uruguaio coloca meia Hernán Novick na mira do Fla.

 



O Flamengo pode anunciar nessa quinta-feira os seus primeiros reforços para a temporada, trata-se do volante Elias, ex-Corinthians, do meia-atacante Gabriel do Bahia, e do lateral esquerdo João Paulo, ex-Ponte Preta. E pelo que parece, a nova diretoria do Mengão está atrás de mais reforços para o elenco, é está de olho no mercado Sul-Americano.

E de acordo com informações do jornal uruguaio 'Tenfield', o meia do Fenix, Hernán Novick, está nos planos do Flamengo. E que seu empresario, Jorge Chijane (O mesmo empresario do Loco Abreu), está no Rio de Janeiro, e vai ter uma conversa com a diretoria do Fla. Meia viria por empréstimo e com opção de compra.

Herná Novick tem 25 anos e atua pelo Fenix. Agora nos resta aguardar pra ver se é verdade ou não.

Com a saída de Vagner Love, Carlos Eduardo fica em duvida sobre o flamengo!

02:52 PM, 13/1/2013

depois da saida de vagner love,carlos eduardo do rubin kazan esta em duvida sobre o flamengo !

Carlos Eduardo Rubin Kazan (Foto: Reprodução)

 

 

A notícia da saída de Vagner Love do Flamengo para voltar ao CSKA Moscou chegou a Carlos Eduardo em Antália, na Turquia, e repercutiu mal. Antes de embarcar com a liberação do Rubin Kazan, da Rússia, para voltar a jogar no Brasil, o meia-atacante demonstrou preocupação com o caso do Artilheiro do Amor. Em débito com Vagner e com o CSKA, o Rubro-Negro decidiu abrir mão de seu principal jogador e anunciou o rompimento na noite deste sábado.

Como o Flamengo disputa sua contratação com o Santos, Carlos Eduardo revelou a amigos algumas dúvidas após o episódio com Love, principalmente se o clube carioca terá um time forte em 2013 e cumprirá os compromissos financeiros que assumir. O meia desembarca no Brasil nesta segunda-feira.     

Neste sábado, o diretor executivo do Rubin Kazan, Aleksandr Aibatov Rustemovich, liberou Carlos Eduardo para acertar com Flamengo ou Santos por 18 meses. Em contratapartida, o dirigente russo renovou o contrato do jogador, que terminaria na metade de 2014, por mais duas temporadas. O Rubro-Negro e o Peixe fizeram propostas para contratá-lo e foram os únicos clubes que formalizaram o interesse ao time dono dos direitos do atleta. O destino de Cadu será conhecido até esta segunda-feira, de acordo com seu empresário, Jorge Machado.

Segundo o GLOBOESPORTE.COM apurou, as propostas salariais de cariocas e paulistas são muito parecidas. Sendo assim, o que vai pesar na decisão são as garantias de que Carlos Eduardo terá visibilidade na volta ao Brasil e mais chances de ganhar valor de mercado para uma futura negociação. O clube russo investiu € 24 milhões no jogador em 2010 (R$ 64,5 milhões na cotação atual).

Ele quer vir para o Brasil, quer jogar para voltar à seleção brasileira. Estamos na expectativa, mas é uma negociação muito, muito difícil. Estamos disputando o jogador com o mercado e com os outros clubes"
Paulo Pelaipe, diretor de futebol do Fla

Flamengo e Santos estão otimistas. O diretor de futebol rubro-negro, Paulo Pelaipe, teria a garantia de que o jogador defenderá o clube da Gávea na volta ao Brasil. Pelaipe trabalhou com Carlos Eduardo no Grêmio. O meia-atacante surgiu no Olímpico em 2007 e foi um dos protagonistas da equipe vice-campeã da Libertadores da América. No mesmo ano, foi vendido para o Hoffenheim, da Alemanha. O executivo é um admirador do jovem e tem relação de longa data com o empresário do jogador, Jorge Machado. A mudança para o Rio de Janeiro e a transferência para o clube brasileiro de maior torcida também são atrativos para o atleta. Ele chegaria ao Rubro-Negro para ser titular e com status de principal contratação da gestão de Eduardo Bandeira de Mello até aqui.

- Ele quer vir para o Brasil, quer jogar para voltar à seleção brasileira. Estamos na expectativa, mas é uma negociação muito, muito difícil. Estamos disputando o jogador com o mercado e com os outros clubes - disse Pelaipe, neste domingo, em entrevista à Rádio Globo.

No Peixe, a presença de Neymar também faz parte da estratégia. O clube acredita que o Rubin Kazan gostaria de ver Carlos Eduardo bem perto do principal jogador brasileiro da atualidade. Pedro Luiz Conceição, membro do Comitê de Gestão, mantém contato com Jorge Machado, que participou das transferências de Ibson (hoje no Fla) e Rentería para a Vila Belmiro. Muricy Ramalho disse na sexta-feira que Cadu quer jogar no Santos  O técnico tem mantido contato quase diário com o meia e já conversou, inclusive, sobre questões táticas.

Flamengo com mais opções !

12:56 AM, 12/1/2013

Flamengo tem mais opçoes com a chegada de gabriel,elias e joão paulo !

Info_FORMACAO-FLAMENGO-03 (Foto: infoesporte)

O Flamengo foi atrás de Elias e Gabriel para resolver carências e ganhar possibilidades. Versátil, a dupla chega ao clube sob o aval de Dorival Júnior, que já faz planos para utilizá-la. Além de poder de marcação, o volante, que estava no Sporting, de Portugal, tem uma chegada marcante ao ataque, velocidade na retomada de bola e poder de finalização. Elias começou na base como atacante, mas acabou recuado. Gabriel é o típico jogador com mil e uma utilidades. A revelação do Bahia faz múltiplas funções: meia, atacante, lateral e ala são as principais.

- O Elias é um jogador de chegada rápida, vem bem de trás, tem velocidade na retomada de bola. Se repetir o que fez da Ponte Preta para frente, será um reforço muito grande para a formação que consideremos ideal para a equipe. O Gabriel já jogou em várias funções. Lateral, meia, atacante, ala pelo lado, atacante pelo lado. Não tem a característica de camisa 10 – disse o técnico Dorival Júnior, satisfeito com os reforços.

O Flamengo vai ganhar versatilidade com Elias e Gabriel. O GLOBOESPORTE.COM aponta duas possibilidades de formação de time. Uma no esquema 4-4-2, com o meio-campo com o desenho próximo a um quadrado, e outra no 4-3-3, com dois pontas e Vagner Love centralizado, algo que Dorival tentou na temporada passada com Thomás e Negueba, mas não funcionou. Nas duas opções, foi mantida a base da linha defensiva que terminou a temporada passada, exceto na lateral direita, já que Wellington Silva deixou o clube para jogar no Fluminese. Na projeção, a defesa tem Felipe, Léo Moura, Renato Santos, González e Ramon. O mesmo vale para a escalação de Amaral e Renato no meio-campo.

No 4-4-2, os dois reforços seriam parceiros no meio-campo. Amaral e Elias jogariam mais recuados, sendo o segundo pela direita. E Renato e Gabriel ficariam mais adiantados, com o ex-tricolor mais solto para fazer a aproximação com o ataque, também pela direita. Na frente, Vagner Love teria a companhia de Adryan, que jogou de segundo atacante na maioria das vezes que esteve em campo em 2012.

Numa formação com três atacantes, Gabriel jogaria mais adiantado, como um atacante pelo lado direito. Love ficaria centralizado, e Adryan pela esquerda. O trio de volantes continuaria o mesmo: Amaral, Elias e Renato. Os dois últimos chegariam mais ao ataque, e Gabriel e Adryan teriam a obrigação de acompanhar o avanço dos laterais adversários.

Dorival Júnior gostou dos reforços que recebeu, mas deixou claro que ainda espera um armador, alguém que possa fazer a função de um camisa 10. O Rubro-Negro tem carências na função desde a temporada passada, quando Ronaldinho Gaúcho deixou o clube. Hoje, as opções do elenco são Cleber Santana, Mattheus e Adryan.

 

A análise dos especialistas sobre os reforços do Flamengo:

Raphael Rezende, comentarista do SporTV

- Elias é um jogador versátil. Alia bom poder de marcação com saída rápida e chegada na área adversária. O caminho não se abriu na Europa, mas vem para ser titular absoluto.

Clara Albuquerque, comentarista do Premiére FC

- O Gabriel é um meia atacante habilidoso e com visão de jogo. Rende melhor jogando de frente para o gol, mais livre para flutuar pela grande área e vir de trás. Mais adiantado, isolado como atacante de beirada, perde força e velocidade. Ainda está um pouco verde, precisa de trabalhos de fortalecimento e finalização, mas tem tudo para se destacar em 2013. No Bahia, sempre foi um atleta dedicado e responsável e tinha uma forte identificação com a torcida, que perde um dos poucos jogadores que podia chamar de ídolo.

fiasco !

12:52 AM, 12/1/2013

meninos da gavea empatam e são eliminado da copinha

 

Pelo segundo ano consecutivo, o Flamengo está eliminado da Copa São Paulo de Futebol Júnior logo na fase de grupos. Com o apoio da torcida, o América de Rio Preto segurou o empate por 2 a 2, na noite desta sexta-feira, no estádio Benedito Teixeira, em São José de Rio Preto, e ficou com o primeiro lugar do Grupo E.

O time anfitrião terminou com sete pontos, contra cinco do Rubro-Negro, que não conseguirá uma vaga entre os sete melhores segundos colocados, que também avançam à segunda fase. Acabou fazendo falta ao time carioca a vitória na estreia, quando o time perdeu muitos gols e ficou no empate por 0 a 0 com o Rondonópolis.

O América pega na segunda fase o primeiro colocado do Grupo F, que será decidido na manhã deste sábado, em Penápolis: o Penapolense enfrenta o Juventude, às 9h, e o Náutico enfrenta a Portuguesa, às 11h. Náutico e Juventude dividem a liderança, com quatro pontos, contra um dos times paulistas, que ainda têm chances pequenas de classificação.

Flamengo x América Copa São Paulo Junior (Foto: Célio Messias / Ag. Estado)América segurou a pressão do Flamengo e ficou com a classificação

No talento

O Flamengo entrou em campo mais preocupado em atacar., já que precisava da vitória para ficar com o primeiro lugar do grupo e avançar à próxima fase. Mas o time mostrou as mesmas falhas das partidas anteriores, como a falta de criatividade para criar jogadas e a pouca eficiência nas finalizações.

O América, que jogava pelo empate, seguiu o manual da boa retranca: uma marcação bem postada na frente da área e atacantes rápidos prontos para escapar em contra-ataques.

A armadilha deu certo bem cedo: aos sete minutos, o volante Vitor Hugo se atrapalhou numa saída de bola, o artilheiro Luan "bateu-lhe a carteira" e escapou para a área, driblando o goleiro Caio antes de tocar para o fundo da rede. Foi o quinto gol do atacante, que tinha marcado quatro vezes na goleada por 6 a 0 sobre o Rondonópolis, na última terça-feira.

Mas ainda havia muito tempo, e o Flamengo, se não tinha qualidade técnica, mostrava valentia e garra. Com um jogo mais baseado nos talentos individuais do que no entrosamento, o time levou perigo ao gol do América em vários momentos e chegou ao empate aos 33 minutos: Renan Donizete fez jogada na entrada da área e bateu de bico, na saída do goleiro Toni.

Com o placar igual, seria a hora de o Flamengo pressionar ainda mais e buscar a virada, mas o América foi mais esperto e encaixou outro bom contra-ataque. Guilherme Ratinho aproveitou bola roubada na defesa, escapou em velocidade e abriu para Kairon, que entrava livre pela direita, bater forte, de primeira, com uma leve curva, sem chance para Caio.

Pressão e tensão

No segundo tempo, o cenário se manteve, com o América mantendo a marcação forte e o Flamengo insitindo em jogadas individuais e em tabelas curtas. Nem mesmo a presença de Lorran, remanescente do time campeão da Copinha em 2011, que se recuperou de lesão e fez sua estreia na competição durante o primeiro tempo, ao entrar no lugar de Vitor Hugo, mudou muito o perfil da equipe, que visivelmente sentiu a falta de entrosamento.

As principais chances do time carioca acabaram sendo em jogadas de bola parada, provocadas pelas jogadas individuais. Aos 19, Rodolfo bateu falta de longe e mandou uma bomba por cima do gol. Aos 23, Rafinha cobrou falta para a área, e Toni saiu mal, mas nenhum rugro-negro apareceu para tentar aproveitar o rebote.

O jogo virou praticamente de um time só, com o América arriscando cada vez menos e segurando a bola ao máximo, enquanto o Flamengo era correria pura. O nervosismo cresceu, com desentendimentos entre os jogadores e uma ou outra entrada mais dura.

Esperança e decepção

Aos 29, a esperança rubro-negra se reacendeu graças a um nome com "cheiro" de gol,. Digão fez ótima jogada pela direita e cruzou. Romário subiu mais alto que os defensores do América para cabecear seco para as redes.

Precisando da vitória, o time nem comemorou: foi para cima em busca da virada. No minuto seguinte, em outra jogada pela direita, agora de Rafinha, Renan Donizete cabeceou mascado com um zagueiro, e a bola acertou a trave. Aos 33, após cobrança de escanteio, Rafinha bateu forte por cima do gol.

Valente, o América fez o que pôde para espantar a pressão. Catimbou a cada falta sofrida, segurou a bola no ataque e deu chutão. O Flamengo continuou tentando e, aos 41, Toni saiu mal num cruzamento, e a bola sobrou na área, mas Romário tentou uma bicicleta fraca, facilmente defendida pelo goleiro. No minuto seguinte, Rafinha arriscou de fora da área, e dessa vez Toni fez uma defesa segura.

Aos 43, a última grande chance. Após cruzamento da direita, Romário não alcançou, e Rafinha, que apareceu livre no segundo pau, cabeceou por cima. Depois desse lance, o goleiro Toni pediu atendimento, alegando cãibra na coxa direita, e esfriou o Flamengo, que só chegou com perigo mais uma vez. Aos 50 minutos, após cruzamento da esquerda, Renan cabeceou, e Toni fez linda defesa - mas o auxiliar já tinha parado o jogo, alegando impedimento.

No desespero, aos 51, Rodolfo cobrou falta do meio-campo. Na área, Lorran cabeceou, mas Toni foi buscar no cantinho. Logo depois, o juiz Guilherme Ceretta encerrou a partida - e a participação do Flamengo na edição 2013 da Copa São Paulo.


 

Flamengo x Santos

03:23 PM, 11/1/2013

santos e flamengo brigam para ter Carlos Eduardo !

Flamengo planeja proposta para ter Carlos Eduardo, meia quer jogar no rio !

02:56 PM, 11/1/2013

Carlos Eduardo pode deixar o Rubin Kazan,da Russia , pra ser o novo reforço do flamengo !

 

Apesar de anunciar três reforços na última quinta-feira, o Flamengo quer mais contratações para fechar o elenco para o início da temporada de 2013. O alvo agora é Carlos Eduardo, atualmente no Rubin Kazan, da Rússia. Em silêncio, os dirigentes rubro-negros aguardam a definição do atleta com seu clube para formatar uma proposta de empréstimo para ter o meia até o fim de 2013.

O Rubin Kazan não descarta um empréstimo até mesmo gratuito do jogador para o futebol brasileiro, exigindo apenas que Carlos Eduardo prorrogue seu contrato atual, que vence no meio da temporada de 2014. A ideia dos russos é valorizar o jovem de 25 anos na "vitrine" brasileira e ter o direito de vendê-lo depois.

Além do Flamengo, outros clubes de São Paulo e Rio Grande do Sul também desejam o meia. Mas o empresário do jogador, Jorge Machado, revelou que Carlos Eduardo pretende jogar no Rio de Janeiro, o que o aproxima ainda mais de um acerto com o Flamengo. A ideia de representante e atleta é que ele ganhe nova visibilidade e volte a ter chances na seleção,

“O Carlos [Eduardo] quer jogar no Rio. Independente de clube. Ele quer ficar no rio. Acredita que o Rio irá aumentar as chances dele na seleção brasileira. É um jogador especial e o Brasil o conheceu pouco. Ele quer que o Brasil conheça ele. Por isso, o Rio é uma cidade em que ele tem muita vontade de jogar”, revelou o empresário, em entrevista à Rádio Brasil.

O representante do jogador explicou também a situação de Carlos Eduardo com o clube russo. Segundo Jorge Machado, a diretoria do Rubin Kazan prometeu conceder um ano de permanência do atleta no Brasil, o que o meia cobra neste momento. O retorno ao país natal seria num empréstimo por uma temporada.

“Quando assinamos o contrato de cinco anos com o Rubin Kazan, o presidente falou que daria um ano para o Carlos Eduardo no Brasil. Estamos nessa expectativa que seja esse ano. Ele foi comprado por 24 milhões [de euros] e sempre tudo foi cumprido. Dependemos dessa boa vontade do presidente de liberar o jogador para retornar ao Brasil”, explicou.

Amigo de longa data dos principais dirigentes da dupla Fla-Flu, o empresário não quis se meter numa possível disputa pelo seu atleta. Segundo ele, a decisão será meramente profissional, levando em consideração apenas o futuro de Carlos Eduardo.

“O Rodrigo Caetano [diretor executivo do Fluminense] é meu irmão. Cuidei do Rodrigo a carreira dele toda. O Paulo Pelaipe [diretor executivo do Flamengo] é meu amigo de muitos anos. A carreira do Carlos Eduardo que vai contar nessa decisão”, assegurou.

Procurado pela reportagem do UOL Esporte para comentar o andamento das negociações, o diretor Paulo Pelaipe não negou a intenção do Flamengo em ter o jogador, mas pediu para não falar sobre o assunto.

Gabriel se despede do Bahia, e promete empenho no flamengo !

02:31 PM, 11/1/2013

Gabriel,vem pro mengão prometendo empenho !

Gabriel jogador do Bahia coletiva (Foto: Tamires Fukutani / Globoesporte.com)

 

Chegou a hora de dizer adeus. Nesta sexta-feira, o meia Gabriel concedeu a última entrevista no Fazendão. Logo ao entrar na sala de imprensa, uma promessa: a de não chorar na despedida como jogador do Bahia, clube que o revelou para o futebol. Aos poucos, as palavras foram saindo, agradecimentos, elogios, mas nenhuma lágrima. Não seria justo ficar triste em um clube que lhe rendeu tantas alegrias.

- O Bahia sempre me tratou muito bem. Nunca tive confusão para renovação de contrato e nunca quis saber do fora de campo. Entrei no Bahia sem nada, o que ganhei aqui é lucro. Queria jogar bola e sabia que o resto seria consequência. Tenho na cabeça que um dia o jogador sai do seu time. E aconteceu isso comigo. Já havia dito que só sairia se fosse bom para o Bahia. E acho que foi assim – disse o jogador.

 

Tricolor desce criança, Gabriel terá que se acostumar com o vermelho e preto daqui para frente. Apesar de as cores remeterem ao principal rival do Bahia, o jogador prometeu se empenhar ao máximo para justificar o esforço feito pelo Flamengo para contratá-lo.

- Posso dizer ao torcedor do Flamengo que eles ganharam um jogador responsável, que vai estar sempre com o clube para o que der e vier. Não vai faltar empenho, tenho que fazer sempre meu melhor e vai ter mais um guerreiro do lado de lá – pontuou.

Gabriel também comentou a reação dos familiares quando recebeu a notícia de que seria negociado para o Flamengo. Neto de Flávio, campeão brasileiro pelo Bahia em 1959, o meia contou que a transferência para o Rio de Janeiro gerou apreensão em casa.

- É complicado para uma mãe ou avó ver o filho ou neto sair de casa e ir para longe. Mas será muito bom para minha vida profissional, e elas entendem isso. Cheguei ao time da base do Bahia, lutei para caramba, cheguei sem nada para fazer uma história e estou tentando escrever a minha da melhor maneira possível. Minha mãe e minha avó ficaram abatidas, mas acontece – declarou o jovem atleta de 23 anos.

Para poder contar com o jogador, o Flamengo teve a ajuda de um grupo de empresários que adquiriu 50% dos direitos econômicos de Gabriel. Ainda incrédulo com a negociação, o meia relembrou o passado no Campo do Lasca, quadra de terra batida localizada no bairro da Ribeira, em Salvador.

- Para ser sincero, com 18 anos eu ainda conversava com uns colegas, falava sobre testes e achava que não tinha condições de ser profissional. Para mim, jogador era um super-homem. Acho que era mês de maio quando fui chamado para fazer um teste no Bahia. Estava jogando bem no Lasca e isso despertou o interesse do presidente. Quando toquei pela primeira vez na bola na base do Bahia, fiquei muito feliz. Graças a Deus as coisas estão acontecendo dessa forma – afirmou.

Gabriel bahia (Foto: Divulgação / Esporte Clube Bahia)Com a camisa do Bahia, foram 82 jogos disputados

Gabriel só lamentou não poder jogar na Fonte Nova. O jogador lembrou que, quando criança, costumava assistir aos jogos do Bahia na arquibancada do estádio. Como a arena só será inaugurada em março deste ano, o meia não terá a chance de atuar na principal praça esportiva baiana com a camisa do Tricolor. No entanto, algo ainda maior espera pelo atleta. Com entusiasmo, Gabriel destaca que terá a possibilidade de atuar em uma nova casa: o Maracanã.

- Acompanhei o Bahia na Fonte Nova como torcedor. Era sensacional. Pena que não vou poder jogar lá pelo time. Mas tem outro lado. Vou poder atuar no Maracanã. Que é um estádio que todo jogador que atuar. Se Deus quiser vou ter essa oportunidade – declarou.

Na declaração final, Gabriel aproveitou para deixar um recado para a torcida do Bahia: sai do time pela porta da frente, com sensação de dever cumprido.

- A torcida do Bahia não tem explicação. Queria agradecer por tudo que fizeram por mim. Não tenho força física, tenho um corpo mais fraquinho e acreditaram em mim. Nas ruas, até quando a equipe não estava em um momento bom, recebi apoio. Até sangue, se fosse preciso, eu deixaria em campo. Agradeço muito a esse clube. Conquistei títulos pela base e pelo profissional. Fiz gols em todas as finais que disputei. Agradeço a todos do clube, que sempre me trataram bem e me deram condições de trabalhar - encerrou o jogador, que deixa o Bahia após 82 jogos.

Falta o 10 !

02:14 PM, 11/1/2013

Dorival se mostra satisfeito com a trinca de reforços,maz diz que ainda falta o camisa 10 !!!

 

Na primeira entrevista de 2013, Dorival Júnior manteve o discurso que o marcou na temporada passada. Se antes pedia paciência aos torcedores do Flamengo para organizar um time que sofria no Campeonato Brasileiro, agora o pedido é para que os rubro-negros tenham calma com a montagem do grupo e da nova equipe. Nesta sexta-feira, o técnico mostrou-se satisfeito com a contração dos três primeiros reforços, mas não quer que o clube pare por aí. Elias, Gabriel e João Paulo foram anunciados nesta quinta e devem ser apresentados na próxima segunda. A busca por um camisa 10, segundo ele, continua.  

- Estamos atrás, vamos ter paciência, mas caso não achemos é natural dar chance aos que aqui estão. O Mattheus, por exemplo, que ano passado começou a ter suas oportunidades. Tudo vai ser de maneira tranquila com a manutenção de uma base de um ano anteiror, acrescentando jogadores. É importante que a torcida tenha paciência. Acho que são jogadores importantes (trio contratado), com algumas características pontuais detectadas ao longo de quatro, cinco meses de trabalho. Que venham, sejam felizes, que possam fazer o melhor pelo Flamengo. Acredito muito nesse primeiro momento da equipe, na reformulação que vai existir e também na manutenção de jogadores importantes, alguns garotos aparecendo, é uma mescla interessante. Naturalmente que se precisa de tempo para que se alcance a regularidade. Acredito muito nessa nova formação.

Um dos nomes que a diretoria trabalha para reforçar o Flamengo é o do meia Carlos Eduardo, do Rubin Kazan, mas Dorival se limitou a elogiar o jogador.

- Não vou falar de nomes. Sobre ele, só posso dizer que é um grande jogador e todo grande jogador interessa a um grande clube.

Dorival Junior no treino do Flamengo na praia (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)Dorival Junior no treino do Flamengo na praia (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)

Sobre o volante Elias, principal nome anunciado até agora, Dorival destaca a versatilidade. O treinador espera que o jogador, que estava em baixa no Sporting, de Portugal, volte a se destacar como nos tempos de Corinthians, entre 2008 e 2010. 

- Penso no Elias na mesma função que vinha atuando no Corinthians, por último no Sporting, um jogador de chegada rápida, vem bem de trás, tem velocidade na retomada de bola. Se repetir o que fez da Ponte Preta para frente, será um reforço muito grande para a formação que consideremos ideal para a equipe.

Dorival descartou usar Gabriel como um camisa 10, responsável pela criação de jogadas. O meia-atacante, de 23 anos, também tem facilidade de realizar mais de uma função. Foi assim que se destacou no Bahia e conseguiu ser uma das revelações do último Brasileiro.

- O Gabriel já jogou em várias funções. Lateral, meia, atacante, ala pelo lado, atacante pelo lado. Não tem essa característica (camisa 10).

O técnico quer mais reforços e, apesar de dizer que ainda conta com jogadores como Liedson e Cleber Santana, que ainda podem deixar o clube, afirma que o grupo não está fechado para saídas.

- Dificilmente o grupo se manterá fechado. Nós sabemos que negociações acontecem. A qualquer momento podem aparecer jogadores oportunizando contratação ou uma venda. Estamos e estaremos sempre abertos. O Liedson está aqui dentro, contina fazendo parte dos planos, não há alteração nenhuma. O Cleber (Santana) mostrou qualidades e condições. Não temos nenhum meia nesse momento. Acredito que com o crescimento da equipe o Cleber deve crescer.

O Flamengo se prepara para a estreia no Campeonato Carioca. A partir da próxima semana, os treinos táticos e coletivos vão começar. O time começa o estadual contra o Quissamã, dia 19, no Engenhão.

Mais um !

01:45 PM, 11/1/2013

Carlos Eduardo perto do Mengão !

O Santos fechou com Montillo e Cícero. O Flamengo se reforçou com Elias e Gabriel. Agora, paulistas e cariocas disputam Carlos Eduardo. O meia-atacante do Rubin Kazan está em Antália, na Turquia, onde o clube russo realiza os treinos de intertemporada. A passagem dele pela cidade, no entanto, tem um único motivo: a liberação para voltar ao futebol brasileiro. A amigos, o jogador, de 25 anos, já deixou claro que atuará no Brasil em 2013. Será em São Paulo ou no Rio, mesmo depois de ter dito que a prioridade é retornar para Porto Alegre, pela proximidade da família - o Fluminense também cogitava a contratação. A decisão depende do clube do leste europeu. 

Os russos, que investiram € 24 milhões no jogador em 2010 (R$ 64,5 milhões na cotação atual), aceitam liberá-lo por empréstimo durante uma temporada. A intenção é ampliar o contrato por mais um ano (o vínculo atual termina na metade de 2014) e esperar que no Brasil ele volte a ficar em evidência e ganhe mais valor de mercado para uma futura negociação. Na disputa entre o Peixe e o Rubro-Negro, além do dinheiro, a qualidade do projeto para o meia-atacante fará a diferença.

Carlos Eduardo não era a prioridade do Santos, mas já foi sondado pelo clube. Em função da concorrência financeira desleal com times do Catar e da Arábia Saudita pelo também meia-atacante Nenê, do Paris Paris Saint-Germain, da França, o Peixe repensa o possível reforço. De acordo com o superintendente de esportes, Felipe Faro, a eventual contratação de Nenê inviabiliza a transferência do ex-gremista. Mas se antes a chegada do jogador do PSG era vista como provável na Vila, a chance de a negociação melar aumentou no fim da noite desta quinta-feira, segundo pessoas próximas ao atleta. Por isso, o foco do Alvinegro começa a mudar. De qualquer forma, a presença de Neymar balança Rubin Kazan e Carlos Eduardo. Jogar com o principal atleta brasileiro na atualidade pode pesar na decisão.   

- Estamos monitorando esta situação (do Carlos Eduardo), mas ele tem vínculo com o clube dele. É um jogador de uma outra realidade financeira. Está no radar - diz Faro.

- Consideramos uma negociação difícil, pelo fato de Nenê ter propostas de clubes do Oriente e da Arábia. Eu acho que é uma questão de saber se ele tem interesse em voltar ao Brasil e jogar no Santos – afirma o vice-presidente Odílio Rodrigues, dando pista de que o acordo com o atleta do PSG não será fácil, o que aumenta o interesse em Carlos Eduardo.

Por outro lado, no clube da Vila Belmiro a concorrência teoricamente seria maior. E é aí que o Flamengo pode ficar em vantagem. No Rubro-Negro, o jogador chegaria na condição de titular absoluto, o que o deixaria mais perto de realizar o desejo de voltar à seleção brasileira. No Ninho do Urubu, Carlos Eduardo reencontraria Paulo Pelaipe, com quem trabalhou no Grêmio. O meia-atacante surgiu no estádio Olímpico em 2007 e foi um dos protagonistas da equipe vice-campeã da Libertadores da América. No mesmo ano, foi vendido para o Hoffenheim, da Alemanha. Diretor de futebol do Flamengo, Pelaipe é um admirador do jovem e tem relação de longa data com o empresário Jorge Machado, agente do jogador. A mudança para o Rio de Janeiro e a transferência para o clube brasileiro de maior torcida também são atrativos que o atleta considera.  

Jorge Machado espera que Carlos Eduardo volte ao Brasil com a liberação do Rubin Kazan no fim de semana.

- Essa é a nossa expectativa. O Carlos Eduardo interessa a muitos clubes não só pelo futebol, mas pela pessoa que é. Ele quer voltar a jogar no Brasil porque acha que quem conseguir espaço com o Felipão (Luiz Felipe Scolari, técnico da Seleção) este ano vai ficar muito perto de jogar a Copa do Mundo no Brasil em 2014 - disse o agente.

Agora é a vez de Gabriel ser anunciado pelo flamengo !

04:03 PM, 10/1/2013

Depois de Elias, Gabriel. A nova diretoria do Flamengo escolheu esta quinta-feira para anunciar seus primeiros reforços. Além do volante, que estava no Sporting Lisboa, o meia-atacante Gabriel, que estava no Bahia, está contratado. O Rubro-Negro adquiriu 50% dos direitos econômicos e vai assinar por cinco temporadas. Ele chega ao Rio no fim de semana para fazer exames médicos.

Pouco mais cedo, o Flamengo já anunciara a contratação por empréstimo do volante Elias, que estava no Sporting, de Portugal. O ex-corintiano fechou por uma temporada com o Rubro-Negro e chega com valor de compra fixado.

Xodó da torcida do Bahia, Gabriel sempre teve muita identificação com o clube. O jogador é neto de Flávio, volante campeão brasileiro em 1959 pela equipe baiana, e chegou ao Tricolor levado pelo presidente Marcelo Guimarães Filho. Ele foi descoberto numa pelada que disputava com o mandatário.

Após uma rápida passagem pela base, o jogador foi aproveitado por René Simões, que comandava o Bahia em 2011. No entanto, com o treinador o garoto teve poucas chances no ataque. A maioria das vezes que esteve em campo foi improvisado como lateral. O mesmo aconteceu com a chegada de Joel Santana, ainda na mesma temporada.

Somente em 2012, com a chegada do técnico Falcão, passou a ser aproveitado na sua posição de origem. Sob a batuta do Rei de Roma, o jovem foi eleito o craque do Campeonato Baiano de 2012, quando foi um dos principais responsáveis por tirar o Bahia da fila de dez anos sem título. No Brasileirão, Gabriel seguiu em alto nível e firmou-se como principal nome do Bahia na temporada, com 13 gols.

No Troféu Armando Nogueira, ele teve média 6,36 - a melhor do Bahia (o goleiro Omar teve 7, mas só atuou em dois jogos) - e foi classificado como atacante.

gabriel, meia do bahia (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação)

Gabriel o novo reforço do flamengo !

03:29 PM, 10/1/2013

incluir HTML:

Fora dos planos do Mengão !!!

03:05 PM, 10/1/2013

Liedson esta fora dos planos do flamengo, então, no elenco os unicos atacantes disponiveis são : Nixon,Hernane,Vagner Love e Adryan(que pode ser meia-atacante e está com a seleção sub-20 ) . então seria uma boa a contratação de pelo menos mais um atacante !

 

o diretor de futebol Paulo Pelaipe conversou com o atacante e o liberou para procurar outra equipe. O jogador, de 34 anos, tem contrato até o fim deste ano, mas não está nos planos. Ele treina normalmente e já comentou com alguns companheiros sobre a decisão do comando do futebol. Pelaipe, por sua vez, diz que o assunto será tratado internamente.

- Não falo sobre esse tipo de decisão pela imprensa. Converso com os jogadores e resolvo tudo com eles. É assim que trabalho por respeito aos profissionais. Você vai saber quem fica e quem não fica no clube – disse o diretor.

Os representantes de Liedson dizem que ainda não foram procurados pelo dirigente rubro-negro e que não há propostas pelo atacante.

O Levezinho chegou ao Flamengo no segundo semestre de 2012. Poucos jogos, poucos gols, algumas partidas como titular, outras como reserva e passagens pelo departamento médico. O desempenho foi discreto. Contratado pelo Rubro-Negro após conquistar a Libertadores pelo Corinthians, o atacante chegou ao clube para ser o parceiro ideal de Vagner Love, mas não conseguiu se firmar. Num primeiro momento, teve de fazer reforço no joelho esquerdo, operado três vezes ao longo da carreira. Depois, disputou espaço com os garotos Thomás, Negueba, Adryan e Nixon e com Hernane. Das 16 partidas que fez pelo clube em 2012, dez foram como titular. Foram quatro gols marcados.

Pouco antes do Natal, a imprensa baiana divulgou a informação sobre um possível interesse do Bahia no jogador. Poucos dias depois, a diretoria do Tricolor negou que quisesse contar com ele. Já neste início de ano, a imprensa portuguesa noticiou o possível interesse do Sporting, clube que ele já defendeu, mas não passou de uma sondagem.

O último jogo de Liedson pelo Flamengo em 2012 foi em 3 de novembro, na vitória por 1 a 0 sobre o Figueirense. Depois, não foi aproveitado. Ficou fora por opção do técnico Dorival Júnior e por alguns problemas físicos.

flamengo anuncia oficialmente o reforço numero 1, Elias !

02:58 PM, 10/1/2013

Elias comemora gol do Sporting (Foto: AFP)

 

A gestão de Eduardo Bandeira de Mello tem seu primeiro reforço. O anúncio oficial da contratação de Elias foi feito na tarde desta quinta-feira, no site do Flamengo. O volante chega por empréstimo junto ao Sporting, de Portugal, e com contrato de uma temporada, com opção de compra e valor (não divulgado) fixado. Aos 27 anos, Elias, que desembarca no Rio ainda nesta quinta para fazer exames médicos e assinar contrato, foi revelado pelo Náutico e ganhou projeção no Corinthians entre 2008 e 2010. Posteriormente, acertou com o Atlético de Madri, mas não teve sucesso no clube espanhol e seguiu em 2011 para o Sporting por 8,8 milhões de euros (R$ 23 milhões) - a maior negociação da história do time de Lisboa, com quem tem contrato de 2016.

Elias chegou a Portugal no verão de 2011, não teve grandes atuações, e o clube esperava maior retorno de um jogador que custou alto investimento. Sem se envolver em polêmicas, o volante era um dos líderes do elenco, mas o Sporting faz uma das piores campanhas da sua história, com apenas quatro vitórias em 24 partidas disputadas no Campeonato Português.

- Elias chegou para ser a pedra de toque do novo Sporting, um clube recheado de jogadores internacionais e capaz de lutar pelo título português. A verdade, porém, é que Elias nunca correspondeu às expectativas. Deixou-se levar no clima de instabilidade e desorganização, sendo incapaz de mostrar em campo todo o potencial. A exceção foram os jogos grandes: com F.C. Porto e Benfica, Elias aparecia e mostrava todo o seu valor. No fundo é disso que Elias precisa, de um desafio que o encha de ilusão (esperança) e o motive a mostrar o grande jogador que é - analisou o jornalista português Sergio Pereira, do site "Mais Futebol".

Outro jornalista português, Sérgio Krithinas, do jornal "O Jogo" lembrou que o Sporting queria se livrar do alto salário do jogador.

- Não houve nenhum tipo de polêmica dentro do clube ou fora dele, mas ele era considerado um problema para o Sporting por conta do alto salário. E o Sporting atravessa a sua pior temporada.

Dificuldades e depressão no início da carreira

O volante foi convocado para a seleção brasileira algumas vezes pelo técnico Mano Menezes, porém não se firmou.

A história de vida do jogador também revela momentos adversos. Antes do Náutico, de 1997 a 2005, arriscou-se nas categorias de base do Palmeiras jogando como atacante. Sem chances na equipe principal, acabou liberado para procurar outro clube. Foi parar no Timbu.

Depois de dois meses em Pernambuco, Elias não recebeu salários, pouco jogou e voltou a São Paulo. Desconhecido dos times paulistas, não conseguiu encontrar um novo emprego. Era o início de um drama, e ele caiu em depressão.

Elias chegou a disputar campeonatos de várzea em São Paulo antes de conseguir um teste no São Bento, em 2007

A recuperação começou quando amigos e parentes insistiram para que ele voltasse a jogar. Foi então que passou a atuar nos campeonatos de várzea de São Paulo, defendendo os times Leões da Geolândia, da Vila Sabrina, e Lagoa, da Vila Maria. Recuperado da depressão, Elias enfrentava outro problema: continuar sendo atacante.

Pela amizade de alguns amigos com empresários, Elias conseguiu em 2007 um teste no São Bento, time que, na ocasião, disputaria a Série A-1 do Campeonato Paulista sob o comando de Freddy Rincón, ídolo do Corinthians. Logo no primeiro treino, o colombiano transformou o atacante de má pontaria em meio-campista.

Do clube de Sorocaba, Elias partiu para conquistar o título da Copa Federação Paulista de Futebol pelo Juventus. O bom rendimento lhe rendeu um contrato com a Ponte Preta, time com o qual chegou à final do Paulistão de 2008. Em alta, foi parar no Corinthians.

No Timão, jogou com Ronaldo em 2009, e chegou a ser eleito pelo Fenômeno como destaque do Campeonato Paulista daquele ano.

Pelo Corinthians, Elias conquistou o Brasileiro da Série B em 2008, e Campeonato Paulista e Copa do Brasil (2009).

Ficha técnica:

Nome completo: Elias Mendes Trindade
Data de nascimento: 16/05/1985
Naturalidade: São Paulo (SP)
Posição: Meia
Peso: 75 kg
Altura: 1,73m
Clubes: Palmeiras, Náutico, São Bento, Juventus, Ponte Preta, Corinthians, Atlético de Madri e Sporting.

Reforços do Flamengo !

02:46 PM, 10/1/2013

Gabriel,Elias e João Paulo são os primeiros reforços do flamego !

Elias e Gabriel. É com eles que a gestão de Eduardo Bandeira de Mello começa a dar uma nova cara ao grupo de jogadores do Flamengo. Nesta quinta-feira, a diretoria confirma as contratações do volante e do meia-atacante. O primeiro chega por empréstimo, enquanto o segundo terá 50% dos direitos econômicos adquiridos. O lateral-esquerdo João Paulo, ex-Mogi Mirim, acertado desde a semana passada, também defenderá o clube. As apresentações devem ocorrer até esta sexta.
Elias comemora gol do Sporting (Foto: AFP)

Elias foi escolhido para ser o reforço número 1 do novo presidente. O volante, de 27 anos, estava no Sporting, de Portugal, e chega por empréstimo de um ano. O jogador foi revelado pelo Náutico e ganhou projeção no Corinthians entre 2008 e 2010. Posteriormente, acertou com o Atlético Madrid, mas não teve sucesso no clube espanhol e seguiu em 2011 para o Sporting por 8,8 milhões de euros (R$ 23 milhões) - a maior negociação da história do time de Lisboa, com quem tem contrato de 2016. Depois do Natal, foi liberado para negociar com um clube brasileiro.

 o Flamengo aceitou pagar integralmente o salário do jogador: 1,3 milhão de euros (R$ 3,4 milhões) por ano – cerca de R$ 285 mil mensais. Elias chegou a Portugal na janela de verão de 2011, não teve grandes atuações, e o clube esperava maior retorno de um jogador que custou alto investimento. Sem se envolver em polêmicas, o volante era um dos líderes do elenco, usou a braçadeira de capitão, mas o Sporting faz uma das piores campanhas da sua história, com apenas quatro vitórias em 24 partidas disputadas na atual temporada. Os portugueses são donos de 50¨% dos direitos econômicos. A outra metade pertence a um grupo de investidores.

gabriel, meia do bahia (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação)Gabriel vai vestir a camisa do Flamengo em 2013

No caso de Gabriel, também há divisão dos direitos econômicos: 70% para o Bahia e 30% do jogador e seu representante, o empresário Carlos Leite. O Flamengo adquire 50% da parte do clube baiano com o auxílio de um grupo de investimentos. Aos 23 anos, o meia-atacante foi uma das revelações do Campeonato Brasileiro e eleito craque do Campeonato Baiano de 2012. Gabriel passou por uma cirurgia no nariz recentemente, perdeu os primeiros treinos do Bahia na pré-temporada, mas chega ao Rubro-Negro apto a realizar todas as atividades.

João Paulo também chega

Além de Elias e Gabriel, o Flamengo está acertado com o lateral-esquerdo João Paulo desde a última semana. O jogador, contratado do Mogi Mirim, também será oficializado e apresentado. A diretoria preferiu deixá-lo em "modo espera" para evitar críticas. Temia-se repercussão negativa se ele chegasse como primeiro reforço.

João Paulo, de 26 anos, disputou o Brasileiro pela Ponte Preta e, no Troféu Armando Nogueira, teve a melhor média de um lateral-esquerdo: 6,02.