TELEVISÃO COMPUTADOR TELEFONE

Home - Perfil - Arquivos - Amigos

AMO-TE

Postado em 11/5/2014 em 06:13 PM

 

 

Amo em silêncio o peixe que faz amor

com as águias do rio das ostras;

flor do mar,

flor que me deixa trêmulo,

caminhando de costas pela montanha do nunca

parar de caminhar

 

Amo em silêncio gritando

por todos os anos da existência

desse planeta de provações prazeirozas,

amo o que escorre de seus seios

 

E não tenho nenhuma idade,

e não tens nenhuma idade,

tens todos os sexos...

e meus poemas são poemas do fim

e do começo do mundo,

poemas que nascem nas arcadas dentárias de Artaud

e nos esqueletos metálicos dos que se amam

por dentro dos vulcões que estão além da vida e da morte

 

Amo em silêncio o peixe que faz amor

com as águias do rio das ostras,

amo a tua arte entranha,

as entranhas tuas, as entranha minhas,

os livros escritros por dentro, amo-te

 

           ( edu planchêz )

 



« Última Página :: Próxima Página »