Livro intimo UP Home | Perfil | Arquivos | Amigos
Pra todos aqueles que vivem confusões sentimentais e TOC por atenção...

E ai tempo?25/8/2016

Meu calendário mostra que hoje é dia 26
Meu relógio diz que agora são 15 pra 3
Da manhã
É verdade, o tempo tá passando
Mas aqui nada mudou

Tudo tá igual
Tantos anos faz
Exatamente eu não sei
Tudo aconteceu tão de repente
Que eu só reparei
Que lá fora antes tinha sol

Como planejado, o tempo passou
Como já esperado, você não voltou
E o tempo que antes era meu amigo
Agora já não joga ao meu favor

E aí tempo ?
Não era você que ficou de resolver?
Não foi você que prometeu que ia curar?
Que iria me ajudar a esquecer?

E aí, tempo?
De tudo que me prometeu
Nada cumpriu
Me prometeu o sol
Mas só trouxe mais frio
Ah, seu pudesse voltar no tempo

Ch & X

Saudade é uma flor roxa... nossa, como fui troxa!

0 Comentários | Permalink

As cartas que não mando13/3/2016

São Carlos, 13 de março de 2016, como vão as coisas? De mês em mês eu me sento, pra escrever pra você.
Eu reformei minha casa, você não soube disso, sabe eu tive um filho faz tempo, e eu não esqueço você
Guardo pra te dar as cartas que eu não mando, conto por contar e deixo em algum canto!
As pilhas de envelope, já não cabem nos armarios, vão tomando meu espaço, fazem montes pela sala
E hoje são a minha cama, minha mesa e meus lençóis, e eu me visto de saudade, do que já não somos nós.

 

Certa vez disse que só escrevia aqui quando estava triste. O que tem acontecido ultimamente, É que não tenho tido um tempo pra escrever. Mas tenho passado noites em claro desde aquela fatidica noite, acordado e tendo sonhos dos mais diversos generos, ação, aventura, comédia, romance, terror, horror... Mas, mentirira se dissesse que parei de viver quando vi ela se distanciar de mim. Dei a volta, fiquei por cima, em pé... Acordado, mas todas as vezes que relaxo a postura ainda me vem na mente, desde a mais louca e expontânea gargalhada até o mais lindo e pacifico silêncio. Nada mudou.

Hoje sou lutador, comecei a treinar boxe há algum tempo e você não acreditaria se soubesse o quão forte eu bato, e meus sentimentos impulssionam meus punhos quando misturo passado e presente. Da mesma forma que apanhei e me sinto zonzo até agora com a distância percorrida por você em quase dois anos. Maternidade é coisa séria, e seu filho é lindo, e sua força me impulsiona a querer estar bem, mas acredito que é esta mesma força que me empurra da tranquilidade de um sono, uma noite bem dormida.

 

0 Comentários | Permalink

te amo... e parece que é eterno14/2/2015
0 Comentários | Permalink

13/2/2015

 Sabe, eu ainda não entendo o porque que se da, a manutenção de comportamentos adquiridos, se antes estavam associados com um elemento reforçador positivo e hoje, bem, este elemento fisicamente já não existe mais, os comportamentos deveriam ser também extintos!

Ainda hoje me pego olhando pela janela, a tardinha, esperando aquele bizorrorrinho encostar na frente do meu serviço... Rsrs aquela pessoa falante inquieta pra me ver e tascar-me um beijo, as pressas, pois tinha horas academia, eu minha faculdade, sempre na correria!

Por que que estes comportamentos se mantém? Parece que é uma ansiedadeintrínseca minha, algo dentro de mim que não quer cessar e eu também, não o qro q aconteca!

Porem o resultado da espera é altamente aversivo e me faz  acreditar cada dia mais que ela não mais voltará!

0 Comentários | Permalink

Carinhos...15/1/2015

 Cafuné no cabelo, enquanto eu dirigia rumo a cidade de porto ou pirassununga-sp.. não mais!

Mas faz tanta falta sentir seu cabelo embaraçado entre meus dedos, motoqueira valente... Já to pensando em comprar um leão pra por do meu lado, Até pela bravesa quando meus dedos se enroscavam nos nós... rsrsrs hj ta uma bosta!

De novo e de novo... #momentos

0 Comentários | Permalink

Eu to pirando28/12/2014

De repente acho que só por aconsigo ser ouvido por quem eu quero q me escute.

Olha só como são as coisas, nunca saio e quando o faço caio direto em seus "braços". Não planejei um encontro.

Mas a sensação de te ver foi aterradora, avassaladora. Senti todas as minhas falsas conquistas escorrendo pelo meu corpo, junto da agua que estava indo embora... to falando que minha vida ta parada e que as mentiras que prego pra mim todos os dias pela manhã e todas as noites (embora esta saiba a real verdade), me deixavam ali. Verdade, mentira tem perna curta e nem sabe nadar.. pq tentei ir atras e me apegar a uma força falsa pra enfrentar a solidão, ali tão tão perto... não deu certo. Isto no minimo só pode ser um equivoco.

 

But when you want to come back, your sunny day, I'll be waiting! So CARPE DIEM....

my little remarkable.

 

  Mas quando você quiser voltar, do seu dia de verão. Estarei esperando. Então, viva o momento

Minha pekena notavel.

 

Saudade idiota só vai aumenando

Deus me ajuda, eu to pirando...

Seu número do celular é facil de apagar, as coisas que me deu eu também posso quebrar

mas dentro do meu coração tem foto sua, tem saudade sua.. 

de nada adianta

 

 

0 Comentários | Permalink

Considerações sobre...16/11/2014

No ultimo post fiz algumas considerações acerca do tema, relacionamento, dialogo, pensamentos, coisas que fazem a relação ser o dito relacionamento, se não fosse assim, seria um monologo e realmente, a exposição de idéias sobre o que é correto ou menos errado não seria necessaria.

Neste post pretendo falar sobre planos, quem nunca fez planos, racionalmente, realmente visando um futuro, buscando enquadrar de todas as maneiras, o outro dentro de um?

A questão principal, que tem me tirado o sono, será que compensa? Nunca me imaginei pensando assim, hoje, vejo ser necessario. Ninguém entra num relacionamento, hoje em dia, afim de fazer dar certo! Acredito hoje, que o intuito é dar certo! Assim, de primeira, na lata! Se não der, bom, cada qual vai para seu lado e pressiona o restart, zera a memória lógica e começa de novo. Um tanto quanto erronea esta minha afirmação, ou exaltação do pessimismo, mas no momento, não vejo como fazer o contrario.

A situação atual: Saindo de um relacionamento, com uma mão na frente e outra atrás, um coração carregado de questionamentos e uma vontade enorme de me superar. Sim, eu preciso. Definhar até agora não me ajudou, sorrir de mentira dói tanto quanto querer acordar abraçado, dormir abraçado, fazer cafuné, triste bifurcação, mas pra algum lado eu precisei caminhar e como não era de se espantar, escolhi ser feliz de mentirinha.

       Tenho estudado a vivência do luto, como seria isso? A psicanalise defende a existência e a vivência do luto, como um fator extremo de adaptação do ser humano. Falo que o luto em morte, é um tanto mais facil de superar, apesar da dor ser eterna, do que o luto em vida, isto é. Você saber que poderia ter sido diferente e tudo aquilo que havia ali, do nada, vira vacuo! A dor é imediata, longinqua, porém... Como 100% da população que passou por isso diz, se até uva passa, quem dirá isso (Que ódio deste bordãozinho filho da puta...)!

O incrivel disso tudo, é que me tornei uma hipotese de relacionamento de risco. Instavel. Se antes, possivelmente já não era confiavel, agora, to feito granada sem pino na mão de soldado inexperiente. Cômico? Sim, seria! Se não fosse tão sério.

1 Comentários | Permalink

Os relacionamentos modernos9/11/2014

 Acredito hoje que o namoro, o casamento, a união esrtavel enfim, é uma empresa falida.

Por que acredito nisso.

            As pessoas se prendem cada vez mais por motivos futeis, por motivo de renda, religião, status social, simples ilusão do momento, filhos... Cada vez menos as pessoas dão vazão a emoções sentimentais, amor, paixão... Até um tempo atras eu acreditava que existiam duas maneiras de se comportar dentro de um relacionamento, o comportamento pautado na razão, ou pautado na emoção. Oras que hoje eu acredito que o relacionamento assertivo é pautado em uma emoção racional.

           Só que hoje, sendo mais uma vez a figura que sofre pelo fim do relacionameto, vejo que na verdade, os relacionamentos hoje são pautados em uma grandiosa desrazão. Sim! Não é necessario um motivo para o fim de um relacionamento, não é necessario algo realmente grave aconteça.

           Em uma conversa com um estimado amigo meu, chegamos a uma conclusão que é no minimo plausivel para tanto descaso com as uniões, com os casamentos e namoros.

            Estamos em uma era em que tudo é facil. Facil acesso a qualquer informação, de qualquer natureza e isto querendo ou não influencia as pessoas. Observei que é muito facil você suportar seu patrão que te enche o saco por dias consecutivos, suportar seus amigos (as) com idéias futeis que não apetecem o seu estilo de pensar, é facil você suportar qualquer aspecto, por mais negativo que for por te oferecer algo em troca, seja momentos agradaveis, seja uma renda ou um status social. Agora eu pergunto: - Você suporta um cara estranho que te alopra e faz com que você reclame dele por horas e dias a fio. Você suporta gente que não faz o seu tipo. Você dispensa um cara ou uma mulher que te ama.

             Racionalizemos. Falta algo entre os casais, falta dialogo entre as pessoas. As pessoas, não se apegam umas as outras e se desfazem delas sempre que algo sai do controle ou do gosto. Falemos sobre discussões de relacionamentos, são necessarias?

             Que tipo de DR?? Entendo que falta de respeito realmente não de pra aturar, mas o dialogo, como já disse, para a manutenção do relacionamento, se faz necessario sim. Se for do interesse do casal levar a frente os planos, sonhos, mentalizados uma vez enquanto sorriam, é necessario entender que dentre lagrimas e sorrisos a satisfação é a de estar juntos, tem que haver prazer nisso. Que exista então, com respeito, discussões e exposições de pontos de vista, mas exposições, não imposições. Sente? A diferença entre um e outro esta dentro do querer. 

             Ando desanimado com relação à união. Espero conseguir me restabelecer e voltar a viver. Seguirei com minhas exposições a cerca dos relacionamentos, dentro da minha futura área de atuação espero poder contribuir muito na restauração ou reestruturação de relacionamentos instaveis. 

              Vale a pena tentar... Enquanto existe emoção ou vontade de sentir a emoção, vamos tentando, sentindo, chorando, tropeçando, acertando... Mas, sempre se entregando.

 

0 Comentários | Permalink

15/11/2012

 Relacionamentos 


Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida. 

Detesto quando escuto aquela conversa:
- Ah, terminei o namoro...
- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
- Cinco anos.... que pena... acabou...
- é... não deu certo...

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.

Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam. 
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos essa coisa completa.

Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.
Tudo junto, não vamos encontrar.

Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.
Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.

E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.

Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer.

Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não. 

Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto.

Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. Nada de drama. 
Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?

O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós.

Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.

Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?

Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.

E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.

Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.

Na vida e no amor, não temos garantias. 
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear. 
E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar...

Enfim...quem disse que ser adulto é fácil ????

Arnaldo Jabor

 

 

 

 

de fato ser adulto não é facil e ser amado e amar é muito menos... amo vc... 

1 Comentários | Permalink

Receita de amor15/11/2012

Pensamentos desconexos, uma infinidade de sentimentos misturados, uma catedral de pecados divididos, uma cruz de chumbo chamada erros, a cabeça de um alfinete chamada qualidade, uma noite sem lua, uma noite sem estrelas, o ardor dos amantes, a perfeição escrita a giz no dia a dia, 1+1=2 na hora do coito, o yin - yang do universo, a balança equilibrada da justiça, um centimetro de distancia, um segundo para o fim do mundo quando longe, o ciume que fere, a perfeição da união de todos esses detalhes em uma relação a dois, uma constelação, onde somos as estrelas... girando ao redor uma das outras...  eu de você.... me chocando com sujeiras e caindo em rota de colisão com o nada... nada. como pode tudo ser nada ao mesmo tempo em que o tudo não importa... só importa o momento... o momento de estar com você.

 

 

Meus pensamentos não se encaixam... são desconexos, não consigo falar um ai sem me perder entre essas duas vogais... ta estranho isso tudo... estou caindo...

 

 

 

vai negar que sou o cara que te completa na hra da raiva, mas vai ter que aceitar q sem você de fato, fica dificil...
 

0 Comentários | Permalink

11/11/2012

0 Comentários | Permalink

Capital inicial - O lado escuro da lua6/11/2012

0 Comentários | Permalink

Sobre tristezas6/11/2012

 Acho que alguém já percebeu o quanto sou e ando depressivo, vou contar um segredo pra vcs.

 

Eu tenho o péssimo habito de guardar quinquilharias (será q é assim que se escreve isso?) no meu guarda roupas e algumas passagens que assim podem ser chamadas hoje, no meu coração e por ter esse péssimo habito minha vida tem virado um inferno rotineiramente, tenho dado diversas mancadas com minha namorada e deixado ela triste, ela não merece, meu pai teve um infarto e eu nada consigo fazer para ajudar e agora, pior ainda, a única pessoa com quem podia contar pediu 15 dias de distancia de mim (minha namorada). Resumindo, estou sozinho.

Guardar tudo isso dentro de um coração, só pode ser receita certa pra depressão, passaram-se 02 dias desde a nossa ultima briga, a qual ela tinha razão novamente e também faz 02 dias que aceitei que tenho um problema grave com minha sexualidade. E foi por causa dela (sexualidade) que tudo chegou onde chegou. É incrível como o poder de um triste acontecimento traz a tona diversos outros problemas. E eu precisei aceitar que todos os problemas são gerados por mim mesmo. Não sei se não vejo os problemas que talvez ela gere ou a distancia dela acaba trazendo ou se de fato ela não os traz.  Não estou dizendo que ela é perfeita, mas de repente pra mim se torna obrigatório dizer que pra mim ela tem sido perfeitamente e nunca deixei de ver isso.

Aconteceram diversas coisas no dia de ontem e hoje que apenas reforçam aquilo tudo que foi dito enquanto ela exercida o papel de razão, ela disse que não tenho caráter e que sou moleque. Meu pai acabou de me chamar de maleque, enquanto eu apenas estou fazendo dos meus dias os piores justamente pra provar que não o sou. Com relação ao caráter, eu tenho certeza que isso pode ser revisto. Esta doendo pra burro. 

 

Entrei em acordo comigo mesmo de procurar tratamento pro meu problema, to fazendo isso por enquanto do meu jeito, mas a incompreensão da minha família não me quebra, por eu já estar me sentindo assim, mas simplesmente parece que eles estão gostando de pisar em cima de mim quebrado, pisam descalços só pra se cortarem e terem motivos pra cobrar mais e mais e mais e mais de mim... 

Estou tendo que ponderar entre a razão e a emoção e esta difícil, não dar dor de cabeça pros meus pais e não incomodar quem se ama é impossível (keep ditance). Incrível como uma simples volta de carro durante a noite pode se tornar uma roleta russa e foi nesse ponto que escutei meu herói me chamar de moleque. Nunca soube lidar bem com a perda, mesmo que eu não tenha perdido nada e esteja apenas fazendo o que ela me pediu... mantendo distancia, desta vez esta sendo foda. Lembro que ponderei pouco antes de dar um passo a frente a dois anos atras, não pensei, queria alguém, alguém do bem, que precisasse de mim e que pudesse me amar e assim o contrario, estou morrendo devagar... Feridas no corpo, no coração e na mente, tudo em 02 dias. Vou tratar minha mente, mas vou deixar meu coração pra daqui 13 dias, se será fácil, sei que não será, nunca fui bom e fazer qualquer coisa sozinho, muito menos me cuidar...

 

-Me escuta... Me escuta... Para... Não... Deixa eu falar... Por favor, deixa eu falar... Me escuta... Não, não me deixa... ESCUTA... Por Favor... Eu vou melhorar... Me ajuda a me tratar... Eu preciso de você... De você...   

0 Comentários | Permalink

5/11/2012

 Tenho um problema. Um apetite sexual muito fora do normal, vcs não sabem o quanto isso é bom, e o quanto isso tem se tornado ruim na minha vida pessoal.

Tenho cometido graves erros enquanto aproveitava desse problema, achava que só por que eu dava conta, minha menina teria que dar conta também. Não é assim... 

Espero não ter perdido meu amor pra mim mesmo, pra um defeito o qual sempre juguei como qualidade, pra uma doença que esta e estava me consumindo como um todo. Tentando corrigir meus erros, acertar meus acertos, fazer com que eu tenha mais do que sexo à oferecer, preciso perceber que há em mim algo mais a oferecer... quero dar mais do que magoas. Aceito que preciso de ajuda. Quero ajuda, não posso perder a pessoa que pode fazer isso por mim... Ao meu lado!

 

 

 Sei que promessas em momentos dificeis ou decisivos são como tantras, repetitivas, desesperadas, não mereço um troféu por estar errado, querendo agora acertar de toda forma, e dessa forma te chamar a atenção, não quero quebrar a distancia que você me pediu, só não quero que esse dentre outros erros meu, não sejam maiores que esses momentos nossos: Eu amo vc pekena... qro ajuda pra ser o seu melhor... 

 

 

0 Comentários | Permalink

All Apogies4/6/2012

"Quebrei... Procurei em vão me concertar, juntar caquinho por caquinho e com cola me restaurar. O tempo foi passando e sem ajuda desisti dessa peleja, uma bola de cristal tipo meia lua sobre uma mesa. Quebrei novamente e uma estrela com os cacos se montou... Guardo em uma caixa os pedaços os quais deixei pra traz, tento em vão sentar e achar qual pedaço é de qual lugar. " 

 

 

Percebi em mais um fatidico final de semana que o maior defeito do ser-humano é ter paciência e saber esperar. É lógico assim como é claro que 0+0 é igual a 0.

Exercitei durante algum tempo a minha capacidade de errar e exercitei durante muiiiiiiiiiiiiiito tempo a minha capacidade de esperar. Ainda me concidero amador no requisito perfeição. Pois acho que nesse mundão de hoje, não basta você apenas querer fazer a diferença. Você tem, que ser aquela maquina, você não pode demonstrar sentimentos, precisa ser frio e aceitar as condições as quais não só vc expõe os outros (inevitavelmente) mas precisa aceitar, acima de tudo às as quais vc é exposto e calar. Pois nunca vão calar por você. A vontade humana de falar e construir com críticas nos faz séticos com relação à capacidade do próximo.

 

Nunca gostei de ser como sou, reclamão, velho, ranzinza. Na verdade, nada nunca esta bom o suficiente. Sempre me conciderei uma pessoa simples e controversia, do tipo, self-service... Faço eu mesmo e prefiro não depender de alguém, pois sei que estarei lá para entender, dar conselhos (não criticar), calar, aceitar meus erros... Pois bem hoje eu sei... Que se não for pra criticar, Hoje, estarei sozinho. Não aceito críticas, não existe crítica construtiva, sendo assim, se querem me destruir, mais um pouquinho, eu vou mais além e me torno o próprio vácuo, onde o som não se reproduz... Onde não há vida.

 

Confiança: ninguém sabe como se conquista, apenas como se perde.

Seus erros sempre soarão, feito ecos reproduzidos durante toda a eternidade. Ninguém nunca perdoa ninguém. E nossas falhas vão e voltam numa sinfonia grotesca tocada por nossas cabeças. Os perfeitos acham que passar por isso é facil...rs

 

 

 

Às vezes o silêncio é mais confortavel que qualquer palavra.

0 Comentários | Permalink

Pensamentos...12/3/2012

      Com mais uma madrugada em claro para somar aos meus dias de insônia, esta foi de doer... É estranho como os pensamentos vão e ao mesmo tempo eles vem... se aglomerando na minha cabeça. Todos tornando turva minha visão como um dia de nevoeiro. E invento um livro pra ler, um filme pra assitir, levo meu corpo ao extremo apenas para provocar 5 minutinhos de sono... Que desde o inicio se abre como uma cortina de teatro, onde no centro do palco encontrasse um raio de luz vazio e ao redor, todos os meus pesadelos. São varias caras, bocas e dedos a apontarem pra mim... E a falarem de mim a rirem de mim... 

0 Comentários | Permalink

Ano Novo... Vai ser diferente....1/1/2012

Após a virada de ano, depois de sair do trabalho, entrei no meu carro e sai guiando cidade a fora, repentinamente deu vontade de acelerar de verdade e... 

                        Percebi que o ano virou e muitas coisas tendem a ser como sempre foram... como por exemplo acabar o combustivel do carro no meio da rua, com uma diferença dessa vez foi na beira da rodovia.... Ai juntando, Ano novo,  carro velho e tristeza fiquei a pé na beira da estrada... Foi classico... o carro, o som da rodovia, o som do rádio e eu!

                        Não havia uma estrela se quer no céu, a lua acho que naquela noite se escondeu de tudo e todos... No céu só havia nuvens e névoa baixa... Não estava frio o suficiente, apesar do tempo úmido, para fazer com que eu desejasse ser socorrido naquela hora... De repente me pareceu agradável a idéia de ficar ali até amanhecer ou quem sabe até entardecer, vendo aquela paisagem que não deveria mudar conforme minhas horas passassem... A solidão da rodovia inspira poesia, inspira o coração, inspira coisas boas e coisas ruins também. 01-01-2012 - 05h30min - "O tempo poderia te parado e conforme as nuvens passavam, desejei que meu coração também, assim como o tempo, se anulasse", De repente no Player de CD do meu carro, a música do The Eagles 'Hotel California', caiu como uma luva... Como se fosse uma fonte de inspiração... Ainda me pergunto o que levou minha mente de volta à aquele portão trancado pra mim e ao mesmo tempo parecendo que eu vivia aquela música... E ia entrando pelas portas de um hotel invisivel, onde todos me amam e assim eu podendo retrtibuir tal sentimento, sem magoas e com a mente tranquila, sem os erros que já cometi pra voltar contra mim, sem palavras boomerangues e sem dor.

                        No tempo em que a música tocava, viajei nos acordes da guitarra e na brisa do vento, viajei sobre as nuvens, no odor do mato úmido e das árvores em minha fronte... Sei que lágrimas escorreram e o sol timidamente já começava a iluminar a neblima, o sol que não esquentava o ambiente, como um amor que já não se faz presente por querer... A  música nem é tão longa esta do The Eagles, mas durante o tempo que passou foi longa o suficiente para me fazer admirar a paisagem. Como toda paisagem deve ser adimirada... Por inteira.

....Não sei qual a velocidade que aucancei com meu carro enquanto eu acelerava. Não sei se diminuiria quando chegasse no retorno pra minha casa, pra minha realidade. Sinceramente nem sei se queria voltar pra minha casa. Queria sim, apenas deixar minha mente me levar,  embora não tenha gostado do lugar pra onde ela me levou. O fato do combustivel do carro ter acabado 2km antes de chegar na entrada do meu bairro, estranhamente o ponteiro de combustivel ainda marcava que havia cana de açucar suficiente pra queimar, só me fez pensar nos momentos que a vida nos proporciona, às vezes breves, mas nunca sem valor.

Cheguei em casa 06h30min tomei banho e fui cumprir minha rotina... ainda tive a chance de ver o brioolho da vida, por alguns momentos naquele hospital.

 

É gostoso poder viver a esperança nos olhos de segundas pessoas e vive-las, quando nos teus, - a mesma que brilha radiante em quem não tem mais chance-  brilha fosca e me ofende...

 

 

Descansar o pé no acelerador do carro quando triste, R$ uma vida; Ficar na mão com o combustivel do carro, R$ Estar duro, Aproveitar a noite, o vento, o orvalho, a vida... Não tem preço... 

 

 

 

 

 

 

 

0 Comentários | Permalink

Fazer sentido... ImprintinG17/12/2011

Li, uma vez em uma mensagem do msn uma frase assim: Não tenho motivos para fazer sentido, quem faz sentido é soldado...

Não estava errado quem escreveu essa frase, perdemos tanto tempo buscando fazer sentido para sermos aceitos na sociedade como alguém normal, para no fuim descobrir que quem não possui um caminho, quem apenas vive, sempre faz mais sentido do que os outros que vão atrás. Tenho dois problemas, 1 eu vou sempre atras, e 2 não tenho um rumo a seguir. E não faço sentido, não sou alguém definido, não sou alguém capaz de enxergar a diferença entre ser eu, e eu ser... Elogios que vem de todas as partes pela pessoa que sou, não faz de mim a pessoa que deveria ser... Entram por um ouvido, saindo pelo outro como uma canção monotoma e triste, com apenas uma nota com apenas uma palavra...

 

Andei fazendo coisas que não são típicas minha. E me arrependo de ter feito. O fato de ser o maior babaca da turma, me fez uma pessoa pior, mas notada. Falo de beber, dar risada alto e pular de um prédio sem corda ou elástico. Puta merda, como eu queria ser menos barulhento e calar mais um pouco o som da minha vóz.

 

 

Queria lembrar quando deixei de confiar nas pessoas que dizem me amar, acho que já faz tanto tempo que aprendi a calar que hoje nem por reza brava me lembro de como se faz pra confiar sem ser julgado. Odeio quando minhas palavras voltam contra mim mesmo. Não falo dos meus problemas para não ser desanimador, não abro meus sentimentos pra não parecer depressivo, mesmo por que o problema é meu se de dia eu dou risada e de noite dou risada também, de mim, se entregar às graças de novidades diferentes somente para ter o que fazer.

 

A culpa não é de ninguém se você cometeu um auto suicidio, a culpa é somente da sua falta de maturidade ou expêriencia. Não mandei você vir a terra e cometer erros banais, não saber amar, preservar e cuidar... Ninguém mandou, mas depois de algum tempo, sempre te, alguém que comanda nossas vidas....ImprintinG

0 Comentários | Permalink

A traiçao....11/12/2011

           O tempo passa, o fogo acende, queima a alma e mata o amor... Sentir-se vazio e com vontade de escrever
Escrever... Sentimentos ocultos, segredos profundos... Sentir que trai
Trair a si mesmo se entregando a erros antes já cometidos, novamente...

Preso a grilhões forjados por mim mesmo
Feito cabresto e amarras por toda alma
Impedido e somente permitido a recuar
Manter a retaguarda na defesa sempre esperando alguém me atacar...

Atacar para calar...
O coração fechar e o fogo da dor com meu peito abrandar...
Deitado na cama a rotina a me torturar
O ódio de si mesmo a aumentar
 

 

Falando em ódio, putz, o negócio é o nojo... Tenho nojo de mim mesmo e isso não é bom. Sempre que me olho no espelho não consigo evitar a censura. 4 adjetivos pra mim... Doente, pobre, fudido e triste...         

0 Comentários | Permalink

Fidelitas3/12/2011

Ser fiel a si mesmo,
Ser fiel aos outros.

Não gostei de minha cara,
Sempre quis mudá-la.
Não gosto do que sou,
Não gosto do que faço
Só crio embaraço
Para mim, para ti também.

Sou o que sou.
Bonito não sou, nem feio.
Sou eu,
O ser que Deus criou
E revestiu de qualidades
Más e boas.

Quis trocar de eu,
Quis ser muito perfeito.
Querendo ser aquilo que tu gostas
Me esqueci que no amor
Nada disto importa.

Fiz o possível, trabalhei.
Me esforcei sem pensar no cansaço.
Quis mudar de eu
E virei só um palhaço.

Roswitha Kempf

                 Pergunto a mim msm todos os dias antes de tentar dormir. O que ando fazendo de tão importante que não vejo rendimento no meu dia a dia. Exceto quando algo especial realmente acontece, do tipo um sorriso sem dente a me comprimentar, uma vózinha doente pra eu cuidar, aquelas com cara de vó, saca, que espera a gente com os bolinhos de chuva e o chá matte na mesa todos os dias da semana se preciso e se possivel for... Acho que até agora não cai em lagrimas por que é isso que me segura firme na minha decisão de ser uma pessoa boa, do bem. Ainda giro feito moinho de água, numa descida cano a baixo sem saber onde vou parar e o pior, levando gente junto comigo. Minha cabeçã não me ajuda, mudo de opnião como quem muda de caminho e caio em desatino quando me envolvo nas minhas próprias redes de intrigas.

          Cansei de ser culpado... E estou cansado do meu silêncio, da minha falta de assunto e do meu tédio que não passa, dessa quietudo quando sozinho ou acompanhado. Que raiva que dá olhar no espelho e não ver nada além de um brilho fosco nos meus olhos a me olhar... E eu com cará de ué sem saber que atitude tomar. Mãos atadas, pés descalços... Seu corpo não é parque de diversões para eu passar meu tempo, mas é nos teus lábios imoveis, inertes que me perco todo dia, 25 horas a mais.

 

 

 

0 Comentários | Permalink

contador de visitas
Página 1 de 3
Última Página | Próxima Página